Estudos & Empregos

IFRJ abre Inscrições para cursos técnicos integrados

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo que visa o preenchimento de 1.418 vagas, em diferentes cursos e campi, relativas à Educação Profissional Técnica de Nível Médio, oferecida de maneira integrada ao Ensino Médio, para o ano letivo de 2019. Os candidatos devem ter como escolaridade mínima o Ensino Fundamental completo ou estarem cursando o 9º ano desse nível de ensino no ano letivo de 2018. As vagas são para os campi: Arraial do Cabo (120), Duque de Caxias (120), Nilópolis (180), Paracambi (216), Engenheiro Paulo de Frontin (72), Pinheiral (174), Resende (60), Rio de Janeiro (300), São Gonçalo (104) e Volta Redonda (72). A inscrição será realizada entre os dias 17 de setembro e 07 de novembro de 2018, exclusivamente via internet, por meio do preenchimento do Formulário de Pedido de Inscrição disponibilizado na página do IFRJ e na página da organizadora, o Instituto SELECON. A taxa de inscrição é de R$ 70, mas é possível solicitar isenção caso o candidato preencha as condições para...
Leia mais

Olimpíada de Matemática conta com a participação de 900 mil estudantes

Mais de 900 mil estudantes do 6º ano do ensino fundamental ao 3º ano do ensino médio participam amanhã (15) da segunda fase da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep). A prova terá início às 14h30, no horário de Brasília. A Obmep é considerada a maior competição científica do país e tem por objetivo estimular o estudo da matemática e o interesse dos estudantes pela área. Ao todo, participam mais de 50 mil escolas públicas e privadas do país. Foram classificados para esta segunda fase os 5% dos competidores mais bem colocados de cada colégio. O Ministério da Educação (MEC) recomenda que os estudantes classificados cheguem ao local da prova com pelo menos 30 minutos de antecedência. É necessário apresentar documento original de identificação, como carteira de identidade, certidão de nascimento ou carteira escolar, e o cartão informativo da Obmep. Tanto o cartão para impressão, quanto informações sobre os locais de prova estão disponíveis na página da competição na...
Leia mais

Professores apontam dificuldades para implementar BNCC

Professores e escolas não estão preparados para colocar em prática todos os pontos previstos na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) do ensino médio. É o que mostra o documento entregue pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), entidade que reúne os secretários estaduais de educação, ao Conselho Nacional de Educação (CNE). O documento é resultado de ação promovida no dia 2 de agosto, quando gestores e professores de 21,5% das escolas públicas e privadas que ofertam ensino médio no país debruçaram-se sobre a BNCC. Eles apontaram fragilidades na proposta e sugeriram mudanças. Os professores identificaram conteúdos que consideram muito complexos, que, para eles, deveriam ser aprendidos apenas no ensino superior, e mostraram também que as escolas precisarão de adequações e profissionais, de formação, para colocar em prática determinados pontos, sobretudo os que demandam o uso de tecnologias. A BNCC estabelece, por exemplo, que os estudantes aprendam a apresentar-se por meio de perfis variados, como gifs biográficos, biodata, currículo web e...
Leia mais

Olimpíada de Matemática vai alcançar também 4ª e 5ª séries do Fundamental

O Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa) anunciou nesta terça-feira (11) a ampliação da Olimpíada Brasileira de Matemática para alunos das 4ª e 5ª séries do ensino fundamental. O diretor adjunto do instituto e coordenador-geral da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), Claudio Landim, disse que “era um antigo desejo do Impa estender a OBMEP para os quarto e quinto anos. Hoje estamos lançando essa Olimpíada do Nível A de Matemática”. Na avaliação do Impa, o gargalo no ensino da matemática está no primeiro segmento do ensino fundamental. “Os alunos têm aulas com pedagogos, que não foram formados em matemática, muitos dos quais têm medo, não gostam de matemática, e acabam transmitindo a seus alunos essa “paura” (pavor, em italiano). A ideia da prova é mostrar a todo o Brasil, a todas as crianças, que o ensino da matemática pode ser algo divertido, instigante. Com essa prova, a gente espera despertar curiosidade nos alunos para a...
Leia mais

Inscrições para principais vestibulares de SP se encerram este mês

As inscrições para os vestibulares das principais universidades paulistas se encerram neste mês de setembro, com exceção do processo seletivo da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), que abriu nesta segunda-feira (10) as inscrições para o vestibular 2019. As inscrições para a Universidade de São Paulo (USP) e o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) se encerrarão ao final da primeira quinzena de setembro, nos dias 14 e 15, respectivamente. USP O vestibular 2019 da USP oferece mais de 8,4 mil vagas nos cursos de graduação. As inscrições podem ser feitas pelo site da Fuvest (https://www.fuvest.br/) até as 12h da próxima sexta-feira (14). A taxa de inscrição custa R$ 170 e deverá ser paga por boleto bancário até o dia 18 de setembro. Do total de vagas, 2.782 serão preenchidas por meio do Sistema de Seleção Unificada do Ensino Médio (Enem). A primeira fase do vestibular está marcada para o dia 25 de novembro e a segunda fase será nos dias 6...
Leia mais

Reitoria da UFRJ diz que Museu Nacional e universidade são inseparáveis

A reitoria da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) divulgou uma nota nesta sexta-feira (7) em que afirma que o Museu Nacional é indissociável da universidade e separá-los seria um "ato arbitrário e autoritário contra a autonomia universitária". O texto foi divulgado como resposta a "informações que especulam a desvinculação entre o Museu Nacional e a UFRJ", sem mencionar nenhuma proposta específica. O prédio principal do museu foi destruído por um incêndio entre a noite de domingo (2) e a madrugada de segunda-feira (3), e a maior parte de seu acervo de 20 milhões de itens foi destruído. A nota explica que o museu é unidade de ensino, extensão e pesquisa da UFRJ e afirma que sua indissociabilidade está prevista no artigo 207 da Constituição. "Qualquer medida a fim de retirar da UFRJ o Museu Nacional representaria ato arbitrário e autoritário contra a autonomia universitária e a comunidade científica do país. O Museu Nacional não é uma instituição dedicada exclusivamente...
Leia mais

Educação de gênero na escola ajuda a prevenir feminicídios, dizem especialistas

A educação para a igualdade de gênero nas escolas é essencial na prevenção da violência contra a mulher. A afirmação é da subprocuradora-geral da República, Luiza Cristina Frischeisen. “É impossível chegar a patamares razoáveis de violência sem que nas escolas, desde a educação infantil, haja um preparo para a igualdade de gênero”, disse ela durante audiência pública no Senado sobre os 12 anos da Lei Maria da Penha. Para a subprocuradora, o machismo ainda é naturalizado no Brasil e pode evoluir para violência psicológica, lesão corporal e até homicídio. “Muito da violência doméstica está aliada à perspectiva de que o homem é dono da sua mulher, filha, da entenda, da sobrinha, daquela menina que tá no ponto de ônibus, na escola... Há que se ter educação de gênero e isso começa na escola e passa para a família, para que as meninas sejam consideradas sujeitos de direito e não coisas”, ressaltou. Outro ponto que precisa de atenção, na opinião de...
Leia mais

União não tem dinheiro para concursos em 2019, diz ministro

O ministro do Planejamento, Esteves Colnago, afirmou, durante a apresentação do Orçamento de 2019 (foto), que não há previsão para novos concursos no ano que vem. Caso o próximo governo queira abrir concurso, contará com uma reserva técnica de R$ 411 milhões no Orçamento. "O que existe é uma reserva de segurança, que se o presidente entender que precisa fazer concurso, ele tem esses R$ 411 milhões. Se ele decidir não fazer, ele pode realocar (o recurso)", explicou o ministro. O valor também foi reservado para cumprir eventuais decisões judiciais que obriguem o governo a realizar algum concurso público em determinada área. Segundo Colnago, só estão reservados recursos para bancar a contratação de novos servidores de processos seletivos já autorizados ou em andamento, que são cinco no total: Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e o chamado banco de professor equivalente do Ministério da Educação (MEC),...
Leia mais

MEC: alunos deixam ensino fundamental com desempenho pior do que entraram

Resultados das avaliações do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) apontam que estudantes deixam o ensino fundamental com desempenho pior do que entraram, em média, no Brasil.  Os resultados foram divulgados nesta quinta-feira (30) pelo Ministério da Educação (MEC). As provas que avaliam os estudantes de escolas públicas em língua portuguesa e matemática mostram que os estudantes chegam a um nível maior de aprendizagem nas disciplinas no 5º ano do que no 9ª ano, quando deixam o ensino fundamental. Os resultados mostram que, quando fazem a avaliação no 5º ano, os estudantes ficam, em média, no nível 4 de proficiência, tanto em língua portuguesa quanto em matemática - em uma escala que vai de 0 a 9 em português e de 0 a 10 em matemática. De acordo com os critérios do MEC, no nível 4, os estudantes aprenderam o básico em ambas disciplinas. No 9º ano, o resultado piora. Em média, os estudantes estão no nível 3, tanto...
Leia mais

Escolha de livros didáticos começa hoje e vai até 10 de setembro

Pela primeira vez, professores do ensino infantil, que abrange creche e pré-escola, poderão escolher os livros didáticos que usarão a partir do ano que vem. A etapa de ensino passa, em 2019, a fazer parte do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD). Os livros serão destinados aos professores, para orientar o ensino de crianças de até 5 anos de idade. A escolha das obras pode ser feita a partir de hoje (23). O prazo vai até dia 10 de setembro. O conteúdo dos livros, segundo o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), segue a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), documento aprovado no ano passado pelo Ministério da Educação (MEC) que define os conteúdos mínimos que deverão ser ensinados nos ensinos infantil e fundamental. Os livros foram selecionados este ano por meio de edital. As obras deverão ser fonte de atividades para os professores desenvolverem, baseadas em interações e brincadeiras. Deverão também servir de referência para o acompanhamento do desenvolvimento...
Leia mais
http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e