Estado

Carnaval movimentou R$ 3,78 bilhões na economia do Rio

O carnaval de 2019 reuniu mais de 7 milhões de foliões no Rio de Janeiro e movimentou R$ 3,78 bilhões em receitas na economia da cidade, divulgou hoje (11) a prefeitura, que comemorou os números, considerados recordes. O balanço considera os dias entre a sexta-feira de carnaval (1º) e o último fim de semana (9 e 10), quando havia megablocos desfilando na cidade. A receita gerada para os setores de comércio e serviços aumentou 26% em comparação com 2018. A cidade recebeu mais de 1,6 milhão de turistas, que ficaram no Rio durante uma média de sete a 11 dias. Outro número positivo informado pela prefeitura foi a queda no número de atendimentos nos postos de saúde. Foram 16,4% menos pacientes recebidos nessas unidades. A temperatura mais amena foi um dos motivos apontados, já que o carnaval teve clima nublado e chuva na maior parte do tempo. Essa movimentação gerou um número 14% maior de lixo na cidade, segundo a Companhia...
Leia mais

Vale tem base interditada em Mangaratiba e recebe multa de R$ 30 milhões

Em operação realizada nesta segunda-feira (11), a prefeitura de Mangaratiba (RJ), no litoral fluminense, interditou as atividades de uma base da Vale na Ilha da Guaíba. A mineradora também recebeu uma multa de R$ 30 milhões. O Terminal da Ilha da Guaíba (TIG) foi construído em 1973 e recebe cerca de 40 milhões toneladas de minério de ferro por ano, que chegam de trem e são levados de navio ao Porto de Sepetiba, para exportação. O terminal já havia sido interditado no dia 31 de janeiro, quase uma semana após o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG), que resultou em centenas de mortes. No mesmo dia, porém, a Vale anunciou que obteve decisão favorável para restabelecer suas atividades. A prefeitura informou em seu site que a nova interdição ocorre após terem sido constadas irregularidades nas atividades da mineradora. Também não teria sido apresentada a certidão de conformidade da licença de operação. O município alega que as atividades não estão...
Leia mais

Chuva deixa o Rio de Janeiro em estágio de atenção

O município do Rio de Janeiro entrou em estágio de atenção às 5h50 de hoje (11) devido à chuva. Segundo o Centro de Operações da prefeitura carioca, núcleos de chuva moderada a forte procedentes do oceano estão atingindo a cidade. O estágio de atenção é o segundo nível em uma escala de três e significa possibilidade de chuva moderada, ocasionalmente forte, nas próximas horas.  A chuva começou antes das 6h, provocando bolsões de água em vários pontos da cidade. A Marinha divulgou alerta de ressaca para a costa do Rio de Janeiro, com previsão de ondas de até 2,5 metros de altura até as 9h desta terça-feira (12). ...
Leia mais

Polícia do Rio apreende 2 toneladas de maconha no Complexo do Alemão

Equipes da Polícia Civil do Rio de Janeiro apreenderam nesta sexta-feira (8) 2 toneladas de maconha no Complexo do Alemão, zona norte da cidade. A droga estava em um caminhão que vinha do Paraguai e foi avaliada em R$ 4 milhões. Houve troca de tiros entre traficantes e policiais. Segundo a Polícia Civil, a investigação estava a cargo da Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis, que monitorava o deslocamento do caminhão. A ação teve apoio da Delegacia de Combate às Drogas, da Coordenadoria de Recursos Especiais e da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas. ...
Leia mais

Central no Rio recebeu mais de 6 mil denúncias de estupro em 12 anos

O Disque Denúncia do Rio de Janeiro recebeu 6.427 denúncias de estupro contra mulheres adultas e menores de idade e 236 de assédio sexual entre 2006 e 2017. Os dados são de uma pesquisa da Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getulio Vargas (Dapp/FGV), a partir de registros do órgão não governamental, que recebe contatos anônimos de vítimas e testemunhas. Segundo a pesquisa, 82,32% dos casos de estupro registrados no serviço de denúncias anônimas ocorreram fora dos ambientes doméstico, profissional e familiar das vítimas. Esses crimes foram classificados como "estupros em espaços públicos", apesar de incluírem não apenas lugares públicos de fato. Entre esses casos, 76,57% foram cometidos por organizações criminosas, como o tráfico e a milícia. A coordenadora da pesquisa, Danielle Sanches, disse que o percentual de denúncias contra organizações criminosas surpreendeu, mas ponderou que os casos em ambiente doméstico são subnotificados e menos denunciados por testemunhas, o que dá "um viés" aos dados. Também surpreendeu as pesquisadoras...
Leia mais

Trânsito no centro do Rio será alterado para Desfile das Campeãs

O Desfile das Campeãs amanhã (9) no Rio começa às 21h15, com a apresentação em ordem decrescente de classificação das seis primeiras escolas da Liga Independente das Escolas se Samba (Liesa). A sexta colocada, a Mocidade Independente de Padre Miguel abre o desfile. Em seguida, apresentam-se, pela ordem, Salgueiro, Portela, Vila Isabel, Viradouro e Mangueira, a campeã do carnaval deste ano. Para a realização do desfile, várias modificações vão ser aplicadas no trânsito da cidade. Os carros alegóricos serão deslocados da Cidade do Samba, no bairro da Gamboa, na região portuária ainda de madrugada para se posicionar na Avenida Presidente Vargas, acesso ao Sambódromo. A Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio (CET-Rio) montou esquema especial de trânsito para o Desfile das Campeãs neste sábado, na Marquês de Sapucaí. A partir da 0h de sábado, serão fechadas as duas pistas centrais da Avenida Presidente Vargas, entre a Praça da República e a Passarela do Metrô Cidade Nova, para a chegada dos carros...
Leia mais

Mangueira celebra título

A festa do 20º título de campeã da Mangueira começou antes mesmo de o locutor Jorge Perlingeiro concluir a apuração. A penúltima nota no quesito fantasia, um 9,9, já garantia à verde e rosa a pontuação à frente da Viradouro, segunda colocada. “É um samba histórico. Agora é ir para a quadra comemorar, junto com os outros mangueirenses”, disse Marquinho Art Samba, um dos intérpretes da Mangueira, na Praça da Apoteose. O samba do enredo “História pra ninar gente grande” foi um dos grandes responsáveis pelo sucesso da escola.  “O samba fez diferença sim. Graças a Deus, Mangueira campeã. O samba funcionou na avenida. Foi um trabalho conjunto, do samba-enredo, da bateria, que há 16 anos não ganhava quatro notas 10, do carro de som, que trouxe as notas de harmonia”, comemorou Alemão do Cavaco, diretor musical da verde e rosa. Danilo Firmino, um dos compositores, sintetizou o sentimento que predomina entre os integrantes. "O carnaval que sempre foi uma expressão de luta, e falar o que...
Leia mais

Carmelitas e mais 60 blocos desfilam nesta terça-feira

O tradicional Bloco das Carmelitas é uma das mais de 60 agremiações que desfilam hoje (5), terça-feira de carnaval, na cidade do Rio de Janeiro. Segundo a prefeitura, o bloco que faz a festa pelas ladeiras de Santa Teresa, na zona sul da cidade, deve atrair cerca de 10 mil pessoas, a partir das 10h. Em seu 29º carnaval, o Carmelitas surgiu, como muitos blocos cariocas, de uma brincadeira entre amigos. “O bloco foi fundado por um grupo de rapazes que jogava ‘pelada’ onde hoje é o Parque das Ruínas, em Santa Teresa. Essa galera bebeu um pouco demais e resolveu fundar um bloco. E o bloco deu suas primeiras batucadas em agosto de 1990”, explica o diretor Alvanísio Damasceno. Para ele, a popularidade do Carmelitas deve-se a dois fatores. “Ele sai em Santa Teresa, que já é um bairro charmoso por si só. As pessoas chegam lá e ficam deslumbradas. E, em segundo, o apreço que o bloco tem por esse bairro. A gente...
Leia mais

Público se empolga com desfile na Marques de Sapucaí

A “Mangueira foi Mangueira” é uma expressão usada por especialistas em desfiles de escolas de samba para dizer que a Estação Primeira desfila mantendo a tradição à história e suas raízes. Ao final, foi saudada com gritos de é campeã, das arquibancadas populares da apoteose, a área de dispersão. Até a entrada da Mangueira não houve outra escola que tenha provocado a reação do público nos desfiles deste ano. “Um enredo completamente emocionante. A Mangueira tem essa responsabilidade”, disse a cantora Alcione ao analisar o enredo “História para ninar gente grande”, criado pelo carnavalesco Leandro Vieira. No enredo, Alcione representou Dandara, a mulher de Zumbi dos Palmares. “Foi uma honra representar Dandara, uma líder das pessoas escravizadas”, afirmou. A intenção do enredo foi mostrar a participação de líderes populares que influenciaram a história do Brasil e não têm suas realizações contadas nos livros. Neles, personagens negros, índios, com destaque também para mulheres como a vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), Maria Felipe...
Leia mais

Mais de um milhão de foliões foram aos blocos de rua do Rio no domingo

A cada ano o Carnaval do Rio de Janeiro vem ganhando força e atraindo foliões de todas as partes do Brasil e do mundo. Somente neste domingo, segundo estimativas da prefeitura da cidade, mais de 1 milhão foliões foram às ruas brincar o Carnaval em mais de 60 blocos que saíram em bairros de norte a sul da cidade. Na avaliação da prefeitura, o Carnaval vem “quebrando sucessivos recordes de público” nos blocos de rua. O Bloco Areia, por exemplor, que saiu pelas ruas do Leblon, atraiu 326 mil foliões contra cerca de 80 mil, no ano passado – um aumento de mais de 400%. Outro exemplo é o Carrossel de Emoções que atraiu, em 2019, 280 mil foliões – dez vezes mais do que em 2018, quando 28 mil pessoas acompanharam o bloco. O sucesso do Carnaval do Rio fez com que a cidade se tornasse o terceiro destino mais procurado do Airbnb – serviço comunitário de hospedagem online...
Leia mais
http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e