Cultura

Modo de Fazer Viola de Cocho é revalidado como Patrimônio Cultural

O Modo de Fazer Viola de Cocho (MT e MS) e a Cachoeira do Iauaretê - Lugar Sagrado dos Povos Indígenas dos Rios Uaupés e Papuri (AM) - tiveram revalidados seus títulos de Patrimônio Cultural do Brasil. As decisões foram aprovadas, por unanimidade, na durante a 99ª Reunião do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural, realizada ontem (9). Os bens culturais registrados devem passar, pelo menos a cada dez anos, por processos de revalidação dos títulos de Patrimônio Cultural. “O objetivo é atualizar informações sobre o bem cultural, avaliar a efetividade das ações de apoio e fomento, e conhecer mudanças nos sentidos e significados atribuídos ao bem, entre outras questões que contribuem para a continuidade da salvaguarda desses patrimônios’', destaca nota do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). O conselho consultivo é composto por representantes de instituições públicas e privadas, por representantes da sociedade civil e presidido pelo Iphan. Ele examina, aprecia e decide sobre questões relacionadas a tombamentos e...
Leia mais

Iphan declara o forró como Patrimônio Cultural do Brasil

Em decisão unânime, durante reunião extraordinária nesta quinta-feira (9), o Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) declarou as matrizes tradicionais do forró como Patrimônio Cultural do Brasil. O conselho, formado por representantes de instituições públicas, privadas e da sociedade civil, também elegeu o forró como um supergênero musical, por reunir ritmos nordestinos, entre eles, o xote, xaxado, baião, chamego, a quadrilha, o arrasta-pé e o pé-de-serra. O pedido de registro para tornar o forró patrimônio cultural foi feito em 2011 pela Associação Cultural Balaio do Nordeste, do estado da Paraíba. Nos últimos dez anos, em parceria com comunidades detentoras, foi realizada a descrição detalhada das matrizes tradicionais com registro documental e audiovisual. A conselheira Maria Cecília Londres, relatora da proposta, fez uma ampla explanação sobre as origens do ritmo musical nordestino e da palavra forró. A relatora destacou a relevância do forró por englobar atividades como artesanatos, orquestras sanfônicas, escolas de dança, preservação...
Leia mais

Começa o Festival de Brasília do Cinema Brasileiro

A 54ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro começa hoje (7) e vai até o dia 14 de dezembro. Por causa da pandemia de covid-19, todas as atividades serão realizadas virtualmente, assim como no ano passado.  A cerimônia de abertura será transmitida a partir das 20h, com apresentação da atriz Maria Paula Fidalgo, na plataforma de streaming InnSaei.TV. Na plataforma, estão disponíveis gratuitamente os 63 títulos programados pelo festival até o dia 14. Os longas da mostra competitiva nacional também serão apresentados no Canal Brasil. Participam da cerimônia o secretário de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal, Bartolomeu Rodrigues, os curadores Silvio Tendler e Tania Montoro, assim como a cineasta e gestora cultural Olga Futemma e a diretora do filme de abertura, Ana Maria Magalhães. Ana Maria Magalhães apresenta Já que Ninguém me Tira pra Dançar, que homenageia Leila Diniz e fica disponível até o fim do festival. A programação completa está disponível no site www.festcinebrasilia.com.br. ...
Leia mais

Portela é patrimônio imaterial do estado do Rio de Janeiro

A Portela agora é patrimônio imaterial do estado do Rio de Janeio. A Lei 9.505 que concedeu o título à escola de samba de Madureira foi sancionada pelo governador Cláudio Castro foi publicada nessa segunda-feira (6) no Diário Oficial. A medida visa à preservação cultural do samba, da música e da história, e também  à divulgação do local dos ensaios da azul e branco.Cláudio Castro disse que as escolas de samba já são patrimônio cultural da cidade, com desfiles que levam milhares de pessoas à Marquês de Sapucaí todos os anos. “Reconhecer, agora, a Portela como patrimônio imaterial do estado do Rio de Janeiro corrobora a importância da cultura para o nosso estado. Além disso, a azul e branco de Madureira é a mais antiga escola de samba em atividade permanente nos dias de hoje”, destacou o governador.O presidente da Portela, Luis Carlos Magalhães, disse que a escola recebeu o título com alegria esperada, mas com acréscimos. “Porque nós, do...
Leia mais

Crédito Brasil Criativo libera R$ 408 milhões para setor cultural

O Programa de Crédito Brasil Criativo disponibilizará R$ 408 milhões em linhas de crédito para o setor de eventos culturais, de acordo com informações divulgadas pela Secretaria Especial de Cultura (Secult).   O Crédito Brasil Criativo usa recursos do Fundo Nacional de Cultura (FNC) para financiar empreendimentos culturais de pessoas físicas ou jurídicas privadas. Os empréstimos são contratados pelos interessados em instituições financeiras credenciadas pela Secretaria Especial de Cultura.  A concessão de empréstimos com recursos do FNC está disponível aos empreendedores criativos ou artísticos que desenvolvam atividades econômicas vinculadas ao setor cultural. Economia criativa Segundo o secretário especial de Cultura, Mário Frias, a economia criativa movimenta quase 4,5% da economia nacional. “Sabemos que economia é vida, o local onde criamos os meios materiais para a nossa sobrevivência”, disse Frias. De acordo com a secretaria especial, o setor de cultura e entretenimento abrange 60 mil empresas em todo o país, proporciona cerca de 2 milhões de empregos diretos e indiretos e mobiliza 4 milhões de trabalhadores...
Leia mais

Merval Pereira é eleito presidente da Academia Brasileira de Letras

O jornalista Merval Pereira foi eleito presidente da Academia Brasileira de Letras (ABL) para o ano de 2022. Ele vai substituir o poeta, romancista e ensaísta Marco Lucchesi, que ocupa a presidência desde 2018. Merval tornou-se acadêmico em 2011 ao suceder Moacyr Scliar, que falecera em fevereiro daquele ano. Ele assume a presidência no próximo dia 9. A cerimônia de posse, no entanto, só será realizada em março de 2022.Também foram eleitos, em sessão ontem (2), no Rio de Janeiro, Nélida Piñon como secretária-geral, Joaquim Falcão,  primeiro-secretário, Celso Lafer, segundo-secretário, e Evaldo Cabral de Mello, tesoureiro. ...
Leia mais

Prêmio Jabuti de 2021 condecora as melhoras obras literárias do país

A entrega do 63º Prêmio Jabuti, que condecora as melhoras obras literárias do país, aconteceu nessa quinta-feira (25). A premiação é dividida em quatro eixos principais: literatura, não ficção, produção editorial e inovação, que comportam vinte categorias. A edição de 2021 contou com um aumento de de 31% nas inscrições em relação à edição de 2020, com aproximadamente 3,4 mil obras concorrendo. João Luiz Guimarães e Nelson Cruz foram os ganhadores do “Livro do Ano”, com a obra “Sagatrissuinorana“, que conta a fábula dos Três Porquinhos — mas tendo como pano de fundo o rompimento das barragens de Mariana e Brumadinho. Eles foram agraciado com o prêmio de R$ 100 mil. O romancista Ignácio de Loyola Brandão, autor de importantes obras como “Não Verás País Nenhum” e “Zero”, foi homenageado como a “Personalidade Literária” do ano. Já os vencedores de cada gênero literário levam uma estatueta em forma de jabuti e o prêmio de R$ 5 mil. Confira os triunfos por categoria: Livro do Ano Sagatrissuinorana,...
Leia mais

José Paulo Cavalcanti é eleito para Academia Brasileira de Letras

A Academia Brasileira de Letras (ABL) elegeu hoje (25) o romancista e advogado José Paulo Cavalcanti como novo ocupante da cadeira 39 do quadro de membros efetivos. A cadeira era ocupada pelo acadêmico e vice-presidente da República nos dois governos de Fernando Henrique Cardoso, Marco Maciel, falecido no dia 12 de junho deste ano. Dos 34 participantes da votação, Cavalcanti recebeu 21 votos. Concorreram com ele: Ricardo Cavaliere, Godofredo de Oliveira Neto, Luiz Coronel, Camilo Martins e Leandro Gouveia.  Os ocupantes anteriores da cadeira 39 foram foram Oliveira Lima (fundador) – que escolheu como patrono Francisco Adolfo de Varnhagen –, Alberto de Faria, Rocha Pombo, Rodolfo Garcia, Elmano Cardim, Otto Lara Resende e Roberto Marinho. O presidente da ABL, Marco Lucchesi, ressalta que José Paulo Cavalcanti é um renomado estudioso de Fernando Pessoa, tão íntimo e intenso, como se fosse parente espiritual do poeta. "Ensaísta e pesquisador refinado, a biografia que ele redigiu sobre Pessoa circula nos quatro cantos da Terra....
Leia mais

Museu da História e Cultura Afro-Brasileira é inaugurado no Rio

Vizinho ao Cais do Valongo, na Gamboa, região central do Rio de Janeiro, o Museu da História e Cultura Afro-Brasileira (Muhcab) foi inaugurado nesta terça-feira (23). O espaço é um dos 15 pontos de memória que compõem a Pequena África, na região portuária, e fica localizado no Centro Cultural José Bonifácio. O museu foi criado em 2017, por meio de decreto, mas nunca tinha sido aberto ao público. Na época, o Muhcab foi idealizado para ser um braço do centro que ainda será criado para catalogar o acervo arqueológico encontrado naquela região. Foi definido como um museu de tipologia híbrida: museu de território, museu a céu aberto, museu de responsabilidade social e museu histórico. Está situado na Pequena África, região com papel fundamental no resgate, na preservação e revitalização da memória afro-brasileira e que tem como marco zero o Cais do Valongo. No espaço, o público poderá conferir algumas das obras do acervo, que reúne aproximadamente 2,5 mil itens, entre pinturas,...
Leia mais

Grammy Latino tem vitória de Caetano Veloso e homenagem à Marília Mendonça

“A maior noite da música latina”, o Grammy Latino, foi realizado na noite dessa quinta-feira (18). A premiação, transmitida da Arena Ultra Michelob, no luxuoso hotel Mandalay Bay, em Las Vegas, está em sua 22ª edição. Quem abriu a noite foi a cantora Gloria Estefan, junto das brasileiras Anitta e Giulia Be, além de Carlinhos Brown. Christina Aguilera, Bad Bunny e Jorge Drexler também fizeram parte das atrações que subiram ao palco nesta noite. Entre os artistas que mais receberam indicações está o colombiano Camilo, com 10, incluindo as principais categorias: Gravação, Álbum e Canção do Ano. O Grammy Latino estreou em 2000. O prêmio foi criado para laurear as músicas latino-americana e ibérica, que vêm ganhando cada vez mais destaque no cenário internacional. Brasileiros Os artistas Paulinho da Viola, Ivete Sangalo e Zeca Baleiro conquistaram prêmios em categorias brasileiras de álbum de samba, música de raízes,  e álbum de MPB, respectivamente. A cantora Marília Mendonça concorria na categoria melhor álbum sertanejo por seu trabalho em...
Leia mais
http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e