Cultura

UBE vai premiar os ganhadores do Concurso Internacional de Literatura

A União Brasileira de Escritores do Rio de Janeiro, (UBE- RJ), premiará no próximo dia 27 de outubro na Academia brasileira de letras, os ganhadores do concurso internacional de literatura, edição 2017. O concurso tem o objetivo de reconhecer, descobrir novos talentos e valorizando escritores. O evento acontece todo ano e premia obras inéditas produzidas por autores brasileiros ou estrangeiros redigidos em português.  A seleção é dividida em sete categorias: Romance, Conto, Poesia, Crônica, Ensaio, Literatura Infanto-Juvenil e Teatro. De acordo com a presidente  Juçara Valverde, o Concurso Internacional de Literatura é abrangente, porque premia livros inéditos e publicados em anos alternados. “ Em língua portuguesa recebemos escritores de vários países e de povos  que falam a nossa língua. No ano passado tivemos autores premiados residentes na Inglaterra, Canadá, França e Japão”, explica Valverde. O Concurso atraiu a participação de autores de diversas regiões brasileiras e também do exterior e foi aberto ao público em março desse ano.  Alguns vencedores  O vencedor...
Leia mais

The Wattys 2017 premia autores brasileiros

  [caption id="attachment_72824" align="alignleft" width="300"] Fotos: Divulgação[/caption] Pertencente à plataforma Wattpad, que reúne leitores e autores de todo o Brasil, o prêmio The Wattys é considerado o Oscar da literatura brasileira digital atual. Inicialmente muitos autores nacionais não deram tanta importância a suas inscrições Wattpad, sendo apenas um local para publicar e obter opiniões sincera de leitores, em língua portuguesa de suas obras. Tanto que uma das ganhadoras do The Wattys 2017, Vivianne Fair, revelou que havia deixado seu perfil de lado por um tempo e só voltou a atualizá-lo ano passado, publicando o livro 'O Legado do Dragão', também disponível no Amazon Brasil, que em apenas um mês já marcava 2.500 leituras. Sobre o prêmio e opinião de dois ganhadores 'O Legado do Dragão' foi um entre os 280.000 inscrições, um recorde de acordo com informações oficiais do Watts. A autora Vivianne Fair recebeu por e-mail a mensagem do Wattys de ter ganhado o The Wattys 2017, na categoria Novos Autores. "Eu estava prestes...
Leia mais

Músico Saulo Xavier, viraliza e ultrapassa as casas dos 8 milhões de seguidores e admiradores pelo Brasil a fora

Saulo Xavier é um músico que surge das Minas Gerais, especificamente como dizem por lá: das Gerais, porque é a região norte do estado, com muitas dificuldades de desenvolvimento econômico, social e, as Minas ficam pras regiões mais ricas do estado. Porém, as Gerais é lugar de uma riqueza cultural imensa, sem falar também das riquezas que ficam escondidas debaixo do solo e, que são para poucos desfrutarem. Mas, é o Vale do Jequitinhonha, um dos redutos do Norte de Minas, que nos presenteia com uma riqueza também rara: a veia artística de Saulo Xavier, que já ultrapassa as casas dos 8 milhões de seguidores e admiradores pelo Brasil a fora. O Estado RJ entrevistou com exclusividade Saulo Xavier. O Estado RJ - Qual é o seu berço no Vale do Jequitinhonha? Saulo Xavier - Nasci na pequena e doce cidade de 10 mil habitantes, Rubim. OERJ - Você foi para a capital, Belo Horizonte, para cavar sua carreira musical...quando? Saulo -...
Leia mais

Bienal: Autor fala sobre sua série de livros

  [caption id="attachment_72651" align="alignleft" width="300"] Fotos: Anny Lucard[/caption] Durante os dias de Bienal Internacional do Livro Rio 2017, o autor Luis Eduardo Matta, conhecido nas escolas por seus thrillers infantojuvenis, esteve em um dos bate-papos do espaço Geek & Quadrinhos junto dos autores Affonso Solano, Vivi Maurey e Marcelo Amaral. O autor falou um pouco dos thrillers que escreveu com foco no público jovem, já que também escreve para adultos, comentando inclusive do lançamento para o fim de setembro, a série literária 'Detetive Cecília'. A série de livros terá o primeiro título lançado nesse segundo semestre de 2017 e Luis Eduardo Matta falou em entrevista com exclusiva, sobre o trabalho e as novidades. O Estado RJ: Como geralmente surge a inspiração para um livro? Luis Eduardo Matta: De variadas formas. Mas, em geral, a ideia para um livro surge inadvertidamente em qualquer lugar – lendo jornal, andando pela rua, ouvindo uma música... A partir dessa ideia inicial, que, normalmente, pode ser resumida numa frase...
Leia mais

Grupo Zanzar promove oficinas  de dança e música no Rio

O grupo Zanzar de música e  dança que trabalha as linguagens da cultura popular tradicional brasileira, tais como Coco, Jongo, Carimbó, Maracatu, Cirandas, Frevo, Forró, Xaxado, entre outros e se apresenta durante todo o ano, no Circo Voador, no Rio de Janeiro. O objetivo do grupo é mostrar e espalhar a cultura tradicional brasileira, ampliando, levando a comunicação e cultura para todos. Em entrevista ao jornal O Estado RJ, Lais Bernardes, umas das criadoras do grupo Zanzar, fala sobre o projeto e as atividades desenvolvidas. O Estado RJ: Como, quando e onde começou a formação do grupo Zanzar? Lais Bernardes: O grupo começou em 2005, no Circo Voador, eu e a Cristiana Brasil criamos e começamos a promover oficinas de danças populares. OERJ: O grupo é inspirado em quê? LB: A inspiração vem da grande maioria dos grupos populares tradicionais de cultura popular brasileira, como a companhia folclórica do Rio e grupos parceiros, como o Rio Maracatu, Jongo da Lapa, Cordão do Boitatá, entre outros. E...
Leia mais

Autoras nacionais buscam representação recontando clássicos

  [caption id="attachment_72459" align="alignleft" width="194"] Fotos: Equipe do site Sou Aficcionado[/caption] Um dos lançamentos em destaque na Bienal do Livro Rio 2017 foi 'Princesas GPower', coletânea com as autoras Larissa Siriani, Janaina Rico, Thati Machado e Mila Wander que faz uma releitura dos contos de fadas. Em 'Princesas GPower', publicada pela editora Qualis, as tramas são escritas a partir das histórias da Cinderela, Pequena Sereia, Malévola e Bela Adormecida. O foco é o universo de mulheres plus size, empoderadas e altamente femininas. As autoras mostram que para ser princesa não precisa seguir padrões de beleza impostos pela sociedade. Tudo a partir das histórias de uma estudante de medicina que encontra o amor verdadeiro, uma jovem órfã que descobre que seus pais estão vivos, uma moça com medo do mare que se arrisca em um cruzeiro e uma garota que acha o seu lugar em uma nova cidade. Entre as autoras participantes do livro, a Larissa Siriani falou do lançamento para O Estado RJ...
Leia mais

Os destaques da Bienal do Livro Rio 2017

[caption id="attachment_72299" align="alignleft" width="300"] Fotos: Anny Lucard[/caption] A 18ª Bienal do Livro no Rio de Janeiro foi uma edição que destacou como nenhuma outra até então. Especialmente o trabalho feito pelas autoras. Entre os nomes de autoras, com lançamentos que se destacaram durante todos os 11 dias de eventos, estão as pops Thalita Rebouças, que foi divulgar a nova edição do livro 'Fala Sério, Mãe!' e sua adaptação para o cinema, e a autora Luiza Trigo do livro que deu origem ao filme brasileiro 'Meus 15 Anos'. Outras autoras que se destacam entre um grupo específico de fãs, em determinado gênero, como Eddie Van Feu, que lançou a nova edição de seu livro 'Lua das Fadas', e Vivianne Fair, da vampiresca trilogia 'A Caçadora' que lançou 'A Rainha Sombria'. Já a romancista de época, Roxane Norris, lançou dois livros da linha 'Indulto ao Corso' e 'O Diabólico Duque de Essex'. Empoderamento Feminino na literatura nacional Várias autoras chamaram bastante atenção para si e principalmente...
Leia mais

Espaço Cultural no Rio oferece atividades gratuitas

[caption id="attachment_72178" align="alignleft" width="300"] FOTO ARENA[/caption] De domingo a domingo (exceto segundas - feiras), a Arena Carioca Carlos Roberto de Oliveira - Dicró  oferece uma série de atividades gratuitas para todas as idades. A agenda semanal inclui: Capoeira,Dança de Salão,Ballet Infantil,Aula de Passinho, além de exposições visuais, música e mostra de curta metragens independentes realizadas. A Arena  é um espaço cultural da Prefeitura do Rio de Janeiro, cogerido pela Secretaria Municipal de Cultura e pela Organização da Sociedade Civil Observatório de Favelas do Rio de Janeiro, localizada na Penha.O nome dado ao espaço cultural  faz homenagem ao grande artista, intérprete e compositor da música popular brasileira, o Saudoso Dicró. A programação é aberta ao público,de acordo com a atividade. Em entrevista ao Jornal O Estado Rio de Janeiro, Nyl de Sousa, um dos responsáveis pela comunicação da Arena explicou os  projetos culturais oferecidos. O Estado RJ: Quando começaram as atividades na Arena? Como são desenvolvidas? Nyl de Sousa: A Arena Carioca Dicró iniciou suas...
Leia mais

Bienal do Livro recebeu mais de 680 mil visitantes

  [caption id="attachment_72069" align="alignleft" width="300"] Fotos: Anny Lucard[/caption] A 18ª Bienal Internacional do Livro Rio, recebeu  cerca de 680 mil visitantes, entre aficionados por literatura, escolas cariocas e curiosos. Com lotação total em inúmeras palestras e bate-papos, e filas enormes para atividades das mais variadas, tanto na programação oficial do evento, as realizadas no decorrer dos dias da bienal carioca e em estande com espaço para fotos temáticas; a edição 2017 ficou popular pelos descontos e presença de um grande números de autores nacionais. A tecnologia também se destacou durante a bienal carioca desse ano. Destaques da edição 2017 A Bienal Internacional do Livro Rio, o Riocentro recebeu mais de 300 autores, inclusive autores independentes como Clarisse Leal, a autores destaques em editoras menores, como Renato Rodrigues, Eddie Van Feu e Ricky Nobre das Linhas Tortas. Entre sessão de autógrafos, palestras e bate-papos, muitos nacionais se destacaram como o autor fantástico Eduardo Spohr, a autora, desenhista e cosplayer Vivianne Fair e o Youtuber Filipe...
Leia mais

Bingo – O Rei das Manhãs é escolhido para representar o Brasil no Oscar 2018

A Academia Brasileira de Cinema anunciou que Bingo – O Rei das Manhãs, com direção de Daniel Rezende,  é o longa nacional escolhido para concorrer ao prêmio de melhor filme em língua estrangeira no Oscar no próximo ano. A decisão foi divulgada ao meio dia desta sexta-feira (15), na Cinemateca, na capital paulista. Mais de 200 membros da comissão formada por profissionais da área cinematográfica ajudaram na tomada de decisão. Jorge Peregrino, vice-presidente da academia, avalia que a safra de filmes apresentados este ano mostrou muita qualidade, mas Bingo superou expectativas. O drama aborda a vida de Arlindo Barreto, um dos intérpretes do palhaço Bozo na televisão brasileira na década de 80. Apesar da fama, ele não era reconhecido pelo público na rua, o que o levou à frustração e envolvimento com drogas. Bingo concorreu à indicação com mais 22 filmes. O cineasta e produtor João Daniel Tikhomiroff, membro da comissão, disse que foram levados em conta quesitos como universalidade, linguagem cinematográfica e compreensão...
Leia mais