Cultura

Prêmio Jabuti de 2021 condecora as melhoras obras literárias do país

A entrega do 63º Prêmio Jabuti, que condecora as melhoras obras literárias do país, aconteceu nessa quinta-feira (25). A premiação é dividida em quatro eixos principais: literatura, não ficção, produção editorial e inovação, que comportam vinte categorias. A edição de 2021 contou com um aumento de de 31% nas inscrições em relação à edição de 2020, com aproximadamente 3,4 mil obras concorrendo. João Luiz Guimarães e Nelson Cruz foram os ganhadores do “Livro do Ano”, com a obra “Sagatrissuinorana“, que conta a fábula dos Três Porquinhos — mas tendo como pano de fundo o rompimento das barragens de Mariana e Brumadinho. Eles foram agraciado com o prêmio de R$ 100 mil. O romancista Ignácio de Loyola Brandão, autor de importantes obras como “Não Verás País Nenhum” e “Zero”, foi homenageado como a “Personalidade Literária” do ano. Já os vencedores de cada gênero literário levam uma estatueta em forma de jabuti e o prêmio de R$ 5 mil. Confira os triunfos por categoria: Livro do Ano Sagatrissuinorana,...
Leia mais

José Paulo Cavalcanti é eleito para Academia Brasileira de Letras

A Academia Brasileira de Letras (ABL) elegeu hoje (25) o romancista e advogado José Paulo Cavalcanti como novo ocupante da cadeira 39 do quadro de membros efetivos. A cadeira era ocupada pelo acadêmico e vice-presidente da República nos dois governos de Fernando Henrique Cardoso, Marco Maciel, falecido no dia 12 de junho deste ano. Dos 34 participantes da votação, Cavalcanti recebeu 21 votos. Concorreram com ele: Ricardo Cavaliere, Godofredo de Oliveira Neto, Luiz Coronel, Camilo Martins e Leandro Gouveia.  Os ocupantes anteriores da cadeira 39 foram foram Oliveira Lima (fundador) – que escolheu como patrono Francisco Adolfo de Varnhagen –, Alberto de Faria, Rocha Pombo, Rodolfo Garcia, Elmano Cardim, Otto Lara Resende e Roberto Marinho. O presidente da ABL, Marco Lucchesi, ressalta que José Paulo Cavalcanti é um renomado estudioso de Fernando Pessoa, tão íntimo e intenso, como se fosse parente espiritual do poeta. "Ensaísta e pesquisador refinado, a biografia que ele redigiu sobre Pessoa circula nos quatro cantos da Terra....
Leia mais

Museu da História e Cultura Afro-Brasileira é inaugurado no Rio

Vizinho ao Cais do Valongo, na Gamboa, região central do Rio de Janeiro, o Museu da História e Cultura Afro-Brasileira (Muhcab) foi inaugurado nesta terça-feira (23). O espaço é um dos 15 pontos de memória que compõem a Pequena África, na região portuária, e fica localizado no Centro Cultural José Bonifácio. O museu foi criado em 2017, por meio de decreto, mas nunca tinha sido aberto ao público. Na época, o Muhcab foi idealizado para ser um braço do centro que ainda será criado para catalogar o acervo arqueológico encontrado naquela região. Foi definido como um museu de tipologia híbrida: museu de território, museu a céu aberto, museu de responsabilidade social e museu histórico. Está situado na Pequena África, região com papel fundamental no resgate, na preservação e revitalização da memória afro-brasileira e que tem como marco zero o Cais do Valongo. No espaço, o público poderá conferir algumas das obras do acervo, que reúne aproximadamente 2,5 mil itens, entre pinturas,...
Leia mais

Grammy Latino tem vitória de Caetano Veloso e homenagem à Marília Mendonça

“A maior noite da música latina”, o Grammy Latino, foi realizado na noite dessa quinta-feira (18). A premiação, transmitida da Arena Ultra Michelob, no luxuoso hotel Mandalay Bay, em Las Vegas, está em sua 22ª edição. Quem abriu a noite foi a cantora Gloria Estefan, junto das brasileiras Anitta e Giulia Be, além de Carlinhos Brown. Christina Aguilera, Bad Bunny e Jorge Drexler também fizeram parte das atrações que subiram ao palco nesta noite. Entre os artistas que mais receberam indicações está o colombiano Camilo, com 10, incluindo as principais categorias: Gravação, Álbum e Canção do Ano. O Grammy Latino estreou em 2000. O prêmio foi criado para laurear as músicas latino-americana e ibérica, que vêm ganhando cada vez mais destaque no cenário internacional. Brasileiros Os artistas Paulinho da Viola, Ivete Sangalo e Zeca Baleiro conquistaram prêmios em categorias brasileiras de álbum de samba, música de raízes,  e álbum de MPB, respectivamente. A cantora Marília Mendonça concorria na categoria melhor álbum sertanejo por seu trabalho em...
Leia mais

Neurocirurgião Paulo Niemeyer Filho é eleito imortal da ABL

A Academia Brasileira de Letras (ABL) elegeu, hoje (18), o médico e escritor Paulo Niemeyer Filho como o novo ocupante da Cadeira 12 de seu Quadro de Membros Efetivos, que ficou vaga com a morte do acadêmico e professor Alfredo Bosi, ocorrido no dia 7 de abril de 2021. Niemeyer foi eleito com 25 votos. Participaram da eleição 34 acadêmicos de forma presencial ou virtual. Os ocupantes anteriores da Cadeira 12 foram: Urbano Duarte (fundador) – que escolheu como patrono França Júnior –, Augusto de Lima, Vítor Viana, José Carlos de Macedo Soares, Abgar Renault e Dom Lucas Moreira Neves. Niemeyer concorreu com Joaquim Branco e o indígena  Daniel Munduruku. De acordo com o presidente da ABL, Marco Lucchesi, “Paulo Niemeyer entra para a Academia Brasileira de Letras como agente da ciência e da cultura, em sintonia com o humanismo e a modernidade. Sua presença reafirma o compromisso desta Casa com o conhecimento integral, de que ele, Paulo, é mestre consumado”. Biografia Paulo Niemeyer...
Leia mais

Mostra de Teatro reúne Naruna Costa e Vera Holtz em São Paulo

A Mostra de Teatro 2021, do Programa de Qualificação em Artes (PQA), começa nesta quinta-feira (18) com quatro apresentações e rodas de conversa em São Paulo.  Até o próximo domingo (21), diversos grupos teatrais paulistas apresentam trechos de seus espetáculos desenvolvidos ao longo do ano. O evento se completa pelas conversas com expoentes das artes cênicas: Naruna Costa, Maria Shu, Vera Holtz e outros. O evento é gratuito e será veiculado pelo canal do YouTube e Facebook. Mais de 15 processos cênicos autorais de grupos de teatro de diferentes regiões do estado de São Paulo serão apresentados na mostra até o dia 21 deste mês, quinta e sexta-feira, das 20h às 22h, e sábado e domingo, a partir das 11h. Conversas sobre  política e as poéticas da cena completam a programação. A mostra atual reúne alguns trabalhos dentre os mais de 50 grupos atendidos ao longo de 2021, propondo o aprofundamento da produção artística no contexto do distanciamento social e buscando a manutenção do...
Leia mais

Começa hoje 17ª Mostra Internacional do Cinema Negro

De hoje (17) até o dia 30 de novembro, longa e curta-metragens que fazem parte da 17 ª Mostra Internacional do Cinema Negro (Micine) poderão ser assistidos gratuitamente. Os filmes estão disponíveis no “À la Carte”, serviço de streaming do Petra Belas Artes. Com curadoria do professor e pesquisador Celso Luiz Prudente, a mostra inclui o longa O samba é primo do jazz, de Ângela Zoé, um documentário que mostra a trajetória musical da cantora maranhense Alcione. Entre os filmes, está também o documentário experimental A Noite Escura da Alma, de Henrique Dantas, que aborda a ditadura militar e civil ocorrida na Bahia. O filme tem a sua linguagem desenvolvida em forma híbrida entre documentário e performance, sem utilização de imagens de arquivo, também com depoimentos do ex-ministro da Cultura Juca Ferreira, da cineasta Lúcia Murat e do ator Bertrand Duarte. Já entre os curtas, está o documentário Como Ser Racista em 10 passos, de Isabela Ferreira, confrontando o racismo estrutural velado por meio de situações...
Leia mais

Oscar: documentário sobre povo Yanomami é aposta brasileira

Um documentário brasileiro sobre a sobrevivência do povo indígena Yanomami na Amazônia, chamado “A Última Floresta”, é uma das apostas para o Oscar de Melhor Documentário de 2022. O documentário foi feito com a parceria da comunidade Yanomami, em uma aldeia em Roraima. O diretor, Luiz Bolognesi, revela que depois que chegou lá, se deixou levar pela história que os indígenas queriam contar. O xamã Davi Kopenawa, inclusive, também assina o roteiro, além de ser protagonista. “Eles decidiram quais histórias contar e eles decidiram criar algumas ficções dentro do documentário. Nós filmamos até sonhos, porque, para eles, o sonho é uma coisa real e muito importante”, disse Bolognesi. Os costumes, mitos, rituais e as lendas levam os espectadores a um olhar antropológico sobre essa comunidade que mora no Brasil, mas de quem sabemos tão pouco. Ao mesmo tempo que o documentário traz essa simplicidade quase poética do dia a dia, ele também mostra a realidade urgente do povo Yanomami, que vive sob intensa pressão,...
Leia mais

ABL: Gilberto Gil é o 2º negro imortal entre membros

Uma semana depois de tornar imortal a atriz Fernanda Montenegro, a Academia Brasileira de Letras (ABL) admitiu nesta quinta-feira (11) mais um ícone da cultura popular em seus quadros: o cantor Gilberto Gil. Gil venceu a disputa com 21 votos. Concorreram também o poeta Salgado Maranhão que recebeu sete votos e o escritor Ricardo Daunt que não foi votado. Ainda foram 4 votos em branco e dois nulos. Eleito, o músico passa agora a ser o segundo negro no quadro da academia, que conta somente com o imortal Domício Proença Filho entre suas 40 cadeiras. O músico baiano de 79 anos vai ocupar a cadeira número 20, que tem como patrono o médico e jornalista Joaquim Manuel de Macedo e ficou vaga com a morte do jornalista Murilo Melo Filho, em maio de 2020. Por meio de suas redes sociais, Gil agradeceu a votação. “Muito feliz em ser eleito para a cadeira 20 da Academia Brasileira de Letras. Obrigado a todos pela torcida e obrigado...
Leia mais

Repente é reconhecido como patrimônio cultural do Brasil

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) reconheceu hoje (11), por unanimidade, o repente como patrimônio cultural do Brasil. Referência para a identidade da região Nordeste, o repente é conhecido também como cantoria e tem como fundamentos verso, rima e oração. Os repentistas ou cantadores se espalham pelas capitais e interior dos estados do Nordeste brasileiro e também nas regiões para onde ocorreram migrações de nordestinos. A votação foi feita pelos 22 membros do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural, órgão vinculado ao Iphan. O diretor do Departamento de Patrimônio Imaterial (DPI) do Iphan, Tassos Lycurgo, declarou ter ficado "triste" porque não conseguiu comemorar rimando. Na avaliação dele,  o reconhecimento pelo Iphan vai beneficiar todo o Nordeste, bem como estados do Brasil, como o Rio de Janeiro. “O Nordeste está em todo o Brasil. Existe influência nordestina em todos os lugares. É um bem cultural do qual já se tem notícia no século 19. Isso é muito caracterizador da cultura nordestina. É...
Leia mais
http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e