Cultura

De Alma Lavada: Viradouro é bicampeã do Carnaval do Rio de 2020

Unidos do Viradouro é a escola campeã do carnaval do Rio de Janeiro. O resultado dos desfiles das escolas de samba do Grupo Especial foi divulgado nesta quarta-feira (26) pela Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), na Praça da Apoteose. Esta é a segunda vitória da escola, que também levou o título 1997. Com o enredo Viradouro de Alma Lavada, dos carnavalescos Marcus Ferreira e Tarcísio Zanon, a escola de Niterói resgata a bravura das escravas de ganho do Abaeté, que trabalhavam para comprar a alforria de parentes e amigos. Em segundo lugar, ficou a Acadêmicos do Grande Rio, com o enredo Tata Londirá – O canto do caboclo no Quilombo de Caxias dos carnavalescos Gabriel Haddad e Leonardo Bora, a escola contou a história de João Alves Torres Filho, o babalorixá Joãozinho da Gomeia, que virou um ícone do candomblé no Brasil. Os envelopes com as notas das escolas foram abertos na seguinte ordem: fantasias; samba-enredo; comissão de frente;...
Leia mais

Filme sul-coreano Parasita faz história e ganha o Oscar 2020

O diretor Bong Joon-ho, de Parasita, comemora o Oscar de melhor filme Reuters/Danny Moloshok/ direitos reservados O longa sul-coreano Parasita fez história na cerimônia do Oscar, nesse domingo (9), em Los Angeles, ao se tornar a primeira película em língua estrangeira a obter a premiação de melhor filme, conquistando ainda outras três categorias, incluindo a de melhor diretor. Nenhum filme estrangeiro jamais havia conquistado a premiação máxima nos 91 anos da academia de cinema. Parasita é uma comédia sarcástica sobre uma pobre família que reside em Seul, na Coréia do Sul, e que alcança um status de classe média alta. Dirigido por Bong Joon-ho, o filme foi aclamado por ilustrar a divisão social existente na Coreia. A película também conquistou premiações de melhor roteiro original e de melhor filme estrangeiro. Enquanto isso, Kazu Hiro, nascido no Japão, ganhou seu segundo Oscar na categoria maquiagem e cabelo, por seu trabalho em Bombshell. O filme aborda casos de abuso sexual na emissora de TV Fox News. O primeiro Oscar...
Leia mais

Prêmio Sesc de Literatura recebe inscrições até fevereiro

O Prêmio Sesc de Literatura abriu nesta semana as inscrições para sua 17ª edição. Podem participar escritores com obras inéditas nas categorias conto e romance, brasileiros ou estrangeiros residentes no Brasil, maiores de 18 anos As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas até o dia 20 de fevereiro pela internet. Em entrevista, o analista de Cultura do Serviço Social do Comércio (Sesc) Nacional Henrique Rodrigues, informou que podem participar também pessoas que se inscreveram em edições anteriores e não ganharam o prêmio. Rodrigues lembrou casos de pessoas que venceram o concurso que tinham se inscrito em outros anos, não ganharam e voltaram a partiricipar. O vencedor do prêmio no ano passado, Felipe Holloway, é um desses casos. “Ele já havia inscrito o livro dele em outros anos e foi melhorando o texto a cada ano, até que foi vencedor”, disse Rodrigues. Um texto pode ser inscrito várias vezes, desde que seja inédito, isto é, não tenha sido publicado, ressaltou. “Vale a...
Leia mais

Democracia em Vertigem é indicado ao Oscar de melhor documentário

O filme brasileiro Democracia em Vertigem está na lista de indicados ao Oscar 2020 na categoria "melhor documentário". Dirigido pela mineira Petra Costa, a produção aborda o impeachment da então presidente da República, Dilma Rousseff, e o quadro político no Brasil. O documentário brasileiro disputa o prêmio com American Factory (USA), de Julia Reichert e Steven Bognar; The Cave (USA), de Bruce Hunt; For Sama (USA), de Waad Al-Kateab e Edward Watts; e Honeyland (Macedônia), de Tamara Kotevska e Ljubo Stefanov. Algumas categorias Curta documentário: In the Absence, Learning to Skateboard in a Warzone, Life overtakes me, St Louis Superman e Walk Run Cha-cha. Melhor filme: Ford v Ferrari, O Irlandês, Jojo Rabbit, Coringa, Adoráveis Mulheres, História de um Casamento, 1917, Era uma vez em... Hollywood e Parasita. Filme estrangeiro: Corpus christi (Polônia), Honeyland (Macedônia), Os Miseráveis (França), Dor e Glória (França) e Parasita (Coreia do Sul). Animação: Como Treinar seu Dragão 3, I Lost my Body, Klaus, Missing Link e Toy Story 4. Melhor curta: Brotherhood, Nefta Football Club, The Neighbors’ Window, Saria e A Sister. Curta de animação: Dcera (daughter), Hair Love, Kitbull, Memorable e A Sister https://youtu.be/vwZ5m10y1rQ ...
Leia mais

Festival do Rio começa nesta segunda e deve exibir 100 filmes

A 21ª edição do Festival do Rio, começa nesta segunda-feira (9) com uma programação de cerca de 100 filmes em diversas salas da cidade. A abertura será na noite desta segunda-feira, no Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro, na Cinelândia, centro do Rio. O filme escolhido será Mulheres Adoráveis (Litte Women), de Greta Gerwig. Forte candidato ao Oscar, o filme aguardado traz a transição das irmãs March para a vida adulta sem a presença do pai, que luta na Guerra Civil Americana. https://youtu.be/xKzuvZjeaiU “Muitos filmes que vão concorrer ao Oscar estão no festival este ano, começando pelo filme de abertura. Na área do cinema brasileiro são 91 filmes. Este ano o Festival faz a 21ª edição e nestes anos exibiu mais de 7 mil filmes, a gente levou cinema para comunidades que nunca tiveram chance de ver filmes. O festival fez e faz um trabalho, que considero extraordinário, na promoção do cinema brasileiro no mundo”, disse Walkiria Barbosa...
Leia mais

Trem do Samba não circulará por falta de recursos

Com um bilhete de trem, que pode ser obtido com um quilo de alimento, milhares de pessoas embarcam em um evento que, até o ano passado, contou com grandes nomes do samba, como Dona Ivone Lara, Paulinho da Viola, João Nogueira, Diogo Nogueira, Jorge Aragão e Leci Brandão. O tradicional Trem do Samba, realizado em comemoração ao Dia Nacional do Samba, celebrado no dia 2 de dezembro, estaria na 24ª edição em 2019 mas, por falta de dinheiro, não vai circular este ano.   "Venho dizer com muita dor que não teremos o nosso Trem do Samba esse ano", anunciou, pelo Facebook, o idealizador do evento, sambista Marquinhos de Oswaldo Cruz.  O Trem do Samba foi criado em 1996 e em 1999 passou a fazer parte do calendário oficial da cidade. De acordo com a organização, o evento reúne cerca de 100 mil pessoas por ano. Além do samba nos vagões do trem, são montados palcos em áreas estratégicas da cidade.  O...
Leia mais

Festival de Cinema de Brasília busca retratar a diversidade brasileira

A 52ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro vai até o dia 1º de dezembro, o evento movimenta a capital do país com mostras competitivas de longas e curtas, debates, oficinas e atividades de promoção de negócios na área. Segundo a organização, o objetivo é retratar a força e a diversidade do audiovisual brasileiro. A mostra competitiva de longa traz sobras de diretores do Sul, Centro-Oeste, Sudeste e Nordeste. Entre as origens estão estados menos tradicionais no cinema brasileiro, como Mato Grosso e Paraná. Na disputa dos curtas, a variedade de origens dos realizadores também aparece, com representantes de todas as regiões. O Festival conta ainda com uma mostra específica voltada a dar visibilidade à produção de diferentes locais, denominada Território Brasil. No total, 18 Unidades da Federação estarão representadas com concorrentes. Segundo o curador do Festival, Marcus Ligocki Júnior, a seleção deste ano mostra a maturidade do audiovisual nacional.“Estamos em um momento em que o audiovisual está enfrentando um...
Leia mais

Evento: Salão Carioca do Livro fica cinco dias no Rio

Com cinco dias dedicados ao livro e à leitura, o Ler – Salão Carioca do Livro começa nesta quarta-feira (20) e se encerra no domingo (24), na Biblioteca Parque Estadual e no Campo de Santana, no centro da cidade do Rio de Janeiro. Essa é a terceira edição do evento literário, que começou em 2016. Tanto na biblioteca quanto no Campo de Santana (parque vizinho à biblioteca), haverá vários espaços para experiências de leitura, oficinas de escrita e rodas de conversa, além de peças, exposições e apresentações musicais. Entre os autores convidados para a edição deste ano estão Luis Fernando Veríssimo, Zuenir Ventura, Paulo Lins, Mary Del Priori, Miriam Leitão e Lourenço Mutarelli. “A gente considera a Ler o maior evento aberto de cultura, porque ele é gratuito, é acessível para todo mundo, faz o maior esforço para incluir todas as vozes, todos os públicos. Este ano, a gente continua uma tradição que começou no ano passado, que é recuperar a...
Leia mais

Museu da República abre as portas para exposição de 14 artistas negras

O Museu da República inaugura nesta sexta-feira (15) a exposição "Sob a Potência da Presença", com obras de 14 artistas negras. A curadora da mostra, Keyna Eleison, mestre em história da arte, disse que a exposição é resultado de um processo de acompanhamento artístico realizado e patrocinado pela Rede Nami, uma rede de mulheres que usa as artes urbanas para promover os direitos femininos, coordenada pela artista visual e ativista social, Panmela Castro. “Foram nove encontros, em cada um dos quais elas conheceram [trabalhos de] artistas mulheres nacionais e internacionais que são importantes no mundo da arte e têm exposições no mundo inteiro”, disse Keyna. Todas essas artistas eram negras, com exceção de Lygia Clark, pintora e escultora brasileira, morta em abril de 1988. “A Lygia é, de fato, uma dobra dentro da relevância do mundo da arte”. A exposição é composta de pinturas, esculturas, performances, instalações, colagens, entre outros. “É uma exposição multimídia mesmo. Tem todas as relações de...
Leia mais

Mostra homenageia primeira mulher negra a dirigir um filme no Brasil

A cineasta Adélia Sampaio será a homenageada pela 3ª Mostra Sesc de Cinema, que começa neste sábado (2) em Paraty, no sul fluminense. A mineira entrou para a história como a primeira brasileira negra a dirigir um filme longa-metragem, com Amor Maldito, de 1984.   A mostra ocorrerá pela primeira vez e Paraty e vai exibir 42 filmes até o dia 9 de novembro. As películas foram selecionadas entre 1,2 mil filmes inscritos, representando 210 cidades. Entre os que serão exibidos, 10 são do Panorama Infanto-Juvenil e 32 do Panorama Brasil. Depois da cidade fluminense, o evento vai circular por várias cidades do país até 15 de dezembro. Em Paraty, serão utilizadas salas na Unidade Sesc Santa Rita e no Cinema da Praça e a programação inclui Bacurau, dirigido por Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, A Rainha Nzinga chegou, de Junia Torres, e Mata Negra, de Rodrigo Aragão, entre outros. Estão previstas duas pré-estreias: Rua Guaicurus, de João Borges, e Nois por nois, de Aly Muritiba. Além disso,...
Leia mais
http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e