Cultura

Morre o músico Renato Barros, cantor e guitarrista de Renato e Seus Blue Caps

O músico Renato Barros, da banda Renato e Seus Blue Caps, morreu nesta terça-feira (28), confirmou sua filha, Érika Barros. Ele se recuperava de uma cirurgia cardíaca, feita em 17 de julho. "O problema é saber o que fazer com a saudade... Agora definitivamente meu pai é uma estrela e eu tenho certeza que estará olhando sempre por mim, minha irmã e suas netas", escreveu Érika em publicação no Instagram. Lucinha Zanetti, autora do livro Renato Barros: Um Mito, Uma Lenda, também publicou sobre a morte do cantor em seu perfil na rede social. "Nosso amado e muito querido cantor, compositor e guitarrista não suportou tanto sofrimento e descansou! Foi tocar sua guitarra no plano superior, onde está agora ao lado de seus pais e de sua amada esposa Lúcia Helena." Segundo Zanetti, Renato foi operado após passar uma semana no hospital realizando uma série de exames. Durante o procedimento, o médico constatou a presença de líquido no coração do músico, que...
Leia mais

Músico e cineasta Sérgio Ricardo morre aos 88 anos

O músico e cineasta Sérgio Ricardo, um dos grandes personagens dos movimentos da Bossa Nova e Cinema Novo, morreu nesta quinta-feira (23) aos 88 anos. Ele estava internado há quatro meses no Hospital Samaritano, na zona sul do Rio de Janeiro, e, segundo a família, a causa da morte foi insuficiência cardíaca. "Sérgio parte no momento em que seus amigos e parceiros de vida fazem diversas homenagens a ele em sua página do Instagram e do Facebook por conta de seu recente aniversário,  comemorado no último dia 18 de junho. Que siga em paz, grande guerreiro!", escreveram em nota seus filhos Adriana Lutfi, Marina Lutfi e João Gurgel. O velório será nesta sexta (24), a partir das 14h, no cemitério da Cacuia, na Ilha do Governador, zona norte do Rio. O enterro, que acontecerá a partir das 16h30, será aberto ao público.  Filho de imigrantes sírios e nascido em Marília, interior de São Paulo, João Lutfi – nome verdadeiro de Sérgio Ricardo...
Leia mais

Nos EUA nova tradução de Memórias Póstumas de Brás Cubas tem edição esgotada

Os protestos contra a morte de George Floyd tinham acabado de completar sete dias nos Estados Unidos – e continuariam levando norte-americanos às ruas em cidades de todo o país por semanas – quando o livro de um autor brasileiro foi lançado. Não era exatamente um lançamento. O autor morreu há 112 anos e o romance foi lançado em 1879. Resultado: a edição de Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Asssis, lançado nos EUA pela Penguin Classics esgotou-se em um dia. Nesta semana, já é possível comprar o livro no site da editora, tanto na versão impressa quanto na digital.  O Memórias Póstumas de Brás Cubas lançado pela Penguin Classics, ou The Posthumous Memoirs of Brás Cubas, como ficou a edição norte-americana, foi traduzido pela americana radicada no Brasil Flora Thomson-DeVeaux, que também assinou a introdução e é responsável pelas notas explicativas sobre o clássico de Machado. O livro tem prefácio assinado pelo escritor e editor David Eggers. "Tem algumas coisas que diferenciam a...
Leia mais

Theatro Municipal do Rio completa 111 anos com lives na internet

O Theatro Municipal do Rio de Janeiro (TMRJ) comemora 111 anos de nesta terça-feira (14) com uma intensa programação virtual. Como presente, está recebendo 111 depoimentos de artistas de várias expressões culturais do país e de funcionários da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro (SECEC-RJ), como o da camareira mais antiga, Leila Lopes, há 23 anos no teatro. Os depoimentos serão publicados diariamente no site do TMRJ, até o final do mês. O presidente do TMRJ, Aldo Mussi, destacou que o Municipal “é uma casa de todos”. Para ele, a repetição do número 1, repetido três vezes, “me leva a pensar que, depois de tudo que a gente viveu nesses 111 anos, começar após essa pandemia planetária significa que nós estamos em um recomeço mesmo, de voltar as nossas atenções para os artistas, para o fazer da arte, para a necessidade dessa arte continuar a ser exibida, não importam os meios”. Vivência Para a funcionária na ativa com...
Leia mais

Organização lança concurso para novos roteiristas

A Organização dos Estados Ibero-americanos (OEI) abriu edital voltado para roteiristas estreantes que tenham criado uma história original e inédita para filmes de longa e curta metragem e séries. Serão selecionados 45 roteiros, que participarão de formações e rodada de investimentos com produtoras brasileiras. O edital vai capacitar os roteiristas por meio de treinamentos com os Script Doctors, profissionais que aperfeiçoam roteiros, além de promover conferências com grandes roteiristas do país. Os selecionados também contarão com uma ajuda financeira que pode chegar a até R$ 15 mil, dependendo da categoria: longa, curta metragem ou série. O diretor e chefe da representação da OEI no Brasil, Raphael Callou, diz que o objetivo é revelar novos talentos, que nunca tiveram a chance de ver seu roteiro produzido e apresentado em festivais, além de fomentar o mercado audiovisual brasileiro.  A medida visa a motivar os roteiristas a colocar em prática suas habilidades empreendedoras e vislumbrar um primeiro contrato profissional para que as obras sejam produzidas e...
Leia mais

Filmes candidatos ao Oscar devem cumprir critérios de diversidade, diz Academia

A organização que entrega os prêmios do Oscar disse na sexta-feira (12) que formará um grupo para desenvolver diretrizes de diversidade e inclusão que os cineastas terão que cumprir para seus trabalhos serem candidatos às estatuetas. A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos, que já foi criticada por homenagear poucos filmes e criadores negros, disse que esta medida e outras representam uma nova fase de um esforço de cinco anos para fomentar a diversidade. O grupo informou em um comunicado que trabalhará com o Sindicato de Produtores da América para montar uma força-tarefa de líderes da indústria para desenvolver "padrões de representação e inclusão" para elegibilidade aos prêmios Oscar até 31 de julho que "incentivarão práticas de contratação igualitárias nas telas e fora delas". As regras não se aplicarão a filmes concorrendo ao Oscar na cerimônia de 2021. As críticas à academia se intensificaram em 2015 com a hashtag #OscarsTãoBrancos, um protesto contra um ano de concorrentes exclusivamente brancos...
Leia mais

Festival de Música da Rádio MEC abre inscrições nesta segunda

A carioca Lydia Musafir, aos 75 anos de idade, redescobriu uma paixão antiga, o teclado do piano. Ela, que aprendeu a tocar na adolescência, havia deixado a música quando chegou à vida adulta. Depois da morte do marido, não só voltou a dedilhar as notas, mas também a preencher novas partituras da vida. Transformou-se em compositora. Isso há 10 anos. Desde então, gravou três CDs e acumula mais de 50 trabalhos autorais no currículo. Nesse novo contexto de percurso, uma surpresa: foi a grande vencedora na categoria instrumental do Festival da Rádio MEC, em 2018. "Foi um dos grandes momentos da minha vida. Nem acreditei. Não imaginava que poderia vencer". Ela venceu com a música Melancolia. Como a musicista, artistas da Região Sudeste e, agora nesta edição, do Distrito Federal terão nova oportunidade de mostrar seus talentos no tradicional festival, que chega à 12ª edição. As inscrições começam nesta segunda (18) e vão até 29 de junho. Estímulo à criação A compositora e pianista...
Leia mais

Aos 90 anos, morre a atriz e radialista Daisy Lúcidi por covid-19

A atriz e radialista Daisy Lúcidi morreu na madrugada de hoje (7), aos 90 anos, no Rio de Janeiro. Ela estava internada no centro de terapia intensiva (CTI) do Hospital São Lucas, na zona sul da capital, desde 25 de abril e morreu por complicações decorrentes de infecção por covid-19. Daisy Lúcidi nasceu no Rio, em 10 de agosto de 1929. Muito cedo começou sua carreira na Rádio Nacional, a maior emissora da América Latina, na época de ouro do rádio, nos anos 1940, 1950 e 1960, com seus programas de auditório, com nove orquestras e o radioteatro, onde Daisy, com voz marcante, iniciou aos 6 anos de idade declamando poemas. Participou do programa Seu Criado, Obrigado!, ao lado de César Ladeira, durante dez anos. Ela participou também de novelas da Rádio Nacional, que paravam o Brasil de norte a sul, como integrante da equipe do radioteatro, com tudo ao vivo, sem poder errar. A primeira radionovela do país foi apresentada em 1941 pela Rádio Nacional - Em busca da Felicidade - e, um...
Leia mais

Aos 73 anos, Aldir Blanc morre de covid-19, no Rio

Morreu nesta segunda-feira (4), aos 73 anos, o compositor e escritor brasileiro Aldir Blanc, por complicações causadas pela covid-19, depois de ficar mais de duas semanas na UTI do Hospital Universitário Pedro Ernesto (Hupe). A morte foi confirmada pela assessoria de Blanc. Ele havia sido hospitalizado em 10 de abril, com um quadro de pneumonia, pressão alta e infecção urinária. Uma semana depois, foi confirmada a infecção pelo novo coronavírus. Nos anos 1960, Aldir dividia seu tempo entre a música e a medicina, curso em que se formaria com especialidade em psiquiatria. Foi nesta década que ele participou de diversos festivais da canção, compondo músicas interpretadas por Clara Nunes, Taiguara e Maria Creuza. No início dos anos 1970, abandonou a medicina para se dedicar exclusivamente às artes. E foi nesta década que ele compôs o seu maior sucesso. Com a parceria de João Bosco e na voz de Elis Regina, o mundo conheceu O bêbado e o equilibrista. Em 1978, publicou as crônicas Rua...
Leia mais

Abertas inscrições para prêmio de patrimônio cultural do Iphan

Doze ações de gestão, preservação, valorização e promoção do patrimônio cultural vão ser agraciadas com R$ 20 mil (cada) através do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade, promovido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). O edital foi publicado nesta segunda-feira (24) no  Diário Oficial da União (DOU) e visa valorizar aqueles que atuam em favor da preservação dos bens culturais do país. Para participar os proponentes deverão acessar o formulário de inscrição, disponível no site do Iphan, até o dia 18 de maio. As ações serão pré-selecionadas por comissões estaduais e as vencedoras na etapa estadual serão analisadas por uma comissão nacional formada pela presidência do Iphan e por 21 jurados que atuam no setor. O resultado final do concurso deverá ser divulgado até o dia 30 de agosto deste ano, no site do Iphan. Como será Na edição de 2020, o prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade traz duas grandes categorias subdivididas em seis segmentos. Na categoria Iniciativas...
Leia mais
http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e