Vamos Lá!

A difícil missão de pagar as contas

As contas estão subindo e os salários estão parados. Sim, isso mesmo. Enquanto as contas sobem mais que a inflação como luz, água, gás e outras, o dindin do brasileiro continua o mesmo. Sem aumento. E isso significa que cada vez menos sobra no final do mês e às vezes nem dá. No caso da luz, por exemplo, os contribuintes já foram avisados que neste mês haverá a bandeira tarifária,  ou seja, pagarão a mais por cada quilowatt “extra” consumido. A desculpa: não está chovendo e estão usando mais as usinas termoelétricas e por isso o aumento. Mas, a pergunta que não quer calar. Todo ano é a mesma coisa. Já não era hora de resolver esse problema? Nossa conta de luz é muito cara e o consumidor já não sabe o que desligar. Mesmo ficando 15 dias fora de casa, a conta de luz ainda vem alta. Se para quem tem condições de pagar já está difícil,...
Leia mais

A culpa não é só da estrada

Por que as estradas ainda não estão cem por cento? Sempre ouvimos nos jornais a situação das estradas, que em sua maioria estão péssimas. Dá para entender que no cenário atual, na crise que vivemos hoje o investimento nas entradas sejam menores, mas, não devem parar e que já deveria ter sido feita por governos anteriores. Todo mundo tem sua parcela de culpa. Mas, não podemos responsabilizar só a falta de investimentos, como sinalização,  “crateras” no meio da pista, os motoristas também tem sua parcela de culpa. As combinações bebida e volante e excesso de velocidade contribuem para o aumento das estatísticas.  Nesse feriado de Corpus Christi andando pelas estradazinhas de Minas Gerais, reparei que nas entradas das cidades  encontrei policiais fazendo blitz.    Temos que lembrar que não estamos nas estradas da Europa, onde você pode colocar sua Ferrari para  correr a mais de 200 km/h.  Seria um sonho dirigir numa estrada a 200 por hora mas, infelizmente aqui ainda não estamos preparados para isso e por vários aspectos....
Leia mais

Dia dos namorados sem namorado? E daí?

Vamos lá! O amor está no ar... Hoje é dia dos namorados.  Uma data eufórica para muitos casais e para o marketing. Isso mesmo, essas datas comemorativas sempre atraem milhares de clientes.  Bom mas e você que está solteiro? O dia dos namorados fica como? Como um dia normal afinal você não está sozinho... Você tem a sua companhia e é isso que importa nesse momento. Não fique triste se nesse dia você estiver sem ninguém. Antes só do que mal acompanhado! Aproveita o dia para se cuidar curtir cada minuto e se presenteei. Se ame. Digo isso porque antes de amar uma pessoa é preciso se amar, pois, se você não se aceita como é, com todos os seus defeitos como poderás fazer alguém feliz? Para estar com sua cara metade é preciso estar bem consigo mesmo. Caso não esteja tudo pode ir ladeira abaixo e ai... Vamos falar de coisas boas, quando você está em paz e feliz você atrai bons fluidos e pessoas querendo sua companhia.  E ai...
Leia mais

O vírus chamado Fake News

Vamos lá! As fakes news estão cada vez mais presentes no dia a dia das pessoas. É  um “vírus” que não tem vacina para remedia-lo, que se dissemina rapidamente e não tem fim. A historia desse “vírus” já é de longa data. Para quem não sabe as fake news vem desde os tempos da União Soviética, do governo Stalin. Sim!!! Isso mesmo. Só que para a época como a tecnologia ainda não era tão avançada então às noticias falsas se espalhavam apenas entre seus povos. Hoje, com os avanços tecnológicos, as ” noticias falsas” percorrem os continentes em questão de milésimos de segundos. As fakes news, segundo pesquisas surgiu na Macedônia criado por adolescentes. Bom, a real é que  hoje fica difícil saber o que é verdade ou não. Muitas vezes a fake news pode se tornar uma verdade que é capaz de prejudicar a imagem daquilo que se está lendo. E uma vez espalhada fica difícil limpar a barra. No caso da política, a  disseminação de uma noticia falsa nesse...
Leia mais

Brasil à beira do colapso

Vamos lá! Quando terminou 2018, os brasileiros imaginaram que 2019 seria o ano da virada. A economia voltaria a crescer, que mais empregos surgiriam que novos investidores entrariam no Brasil, ou seja, em poucas palavras que a situação do país melhoraria com uma nova gestão. Mas, o que vimos nesses cinco meses de governo? Um país beirando o colapso. Doente. Cheio de vírus e bactérias sugando o corpo do Brasil e colocando-o na UTI em estado gravíssimo. É exatamente isso que ouvimos do próprio ministro da economia Paulo Guedes, que o país está à beira de um  abismo fiscal.   E pior em poucos meses, cortes drásticos estão sendo feitos, inclusive na educação, o que tem gerando manifestações de educadores dos setores públicos e privados. Até é entendível que por ter  uma arrecadação de receita menor, os repasses serão menores, mas, também não é cortando os gastos importantes que você vai fechar as contas. E as despesas do Congresso? Essa ninguém vai cortar? Sim, porque se todo mundo entrou na contenção de...
Leia mais

Justiça pra quem?

Vamos lá! Como a nossa justiça é patética né? Como é de praxe em datas comemorativas os presos que tem bom comportamento recebem o direito para visitar seus familiares nessas datas. Até ai tudo bem. Porém, essa semana uma noticia, gerou revolta. Lembram-se da Suzane von Richthofen? Então, ela ganhou o direito para a “saidinha” temporária de Dia das Mães. Estranho né? Sim, porque essa moça foi condenada a 39 anos de prisão por ter matado os pais com ajuda na época do namorado Daniel Cravinhos e do cunhado Cristian Cravinhos. O que é dúbio é que ela não tem mãe e nem pai, porque justamente foi ela quem mandou matar os próprios pais. A pergunta é? Será que a justiça não se ligou que ela não tem mais os pais porque ela os matou? Realmente nossa justiça não dá para entender. Nosso país parece piada. É tanta roubalheira que os juízes não sabem nem o que estão assinando. Até quando? Acho que precisamos...
Leia mais

Dia do trabalho sem trabalho

Vamos lá! Hoje é primeiro de maio, dia do trabalhador um feriado comemorado em muitas partes do mundo. Mas, o dia trabalho parece não ser tão feliz assim. Pois, no mundo há milhões de pessoas que estão sem emprego. Em alguns países o feriado foi marcado por protesto por melhores condições de trabalhos aos seus cidadãos. Aqui no Brasil, segundo o ultimo levantamento divulgado pelo IBGE, mostrou que o desemprego aumentou em março deste ano. De acordo com os números,  mais de 13 milhões de brasileiros estão fora do mercado de trabalho. Em meio a uma crise política que assombra o atual governo, fica distante uma perspectiva de melhora. A esperança é de que a reforma da previdência melhore as condições do país e gere mais emprego. Acredito que a situação do desemprego é mundial, com todas as suas adversidades e dificuldades. No nosso caso, o que dificulta a criação de vagas com registro em carteira são os impostos que uma empresa tem pagar para contratar um funcionário. São muitos os  encargos,...
Leia mais

Ação e conscientização: Por que ainda é tão difícil usá-las?

Vamos lá! A estrutura de uma cidade nem sempre é elogiada por seus habitantes. Assim como qualquer outra cidade do mundo enfrenta grandes problemas. Talvez mais de questões ligadas a infraestrutura.  Nem todas as cidades estão preparadas para receber mudanças visando o bem estar da população. Acredito que hoje, em tempos de chuva, essa seja a questão mais preocupa a população. Sabemos que a culpa não é só dos governantes, mas, de seus moradores  que tem sua parcela de culpa. Por exemplo, as praças públicas. Deveriam ser lindas, mas,  viram descarte de lixo e muito lixo, o que emporcalha a cidade. Ou ainda, o simples ato de jogar lixo na rua, que vão entupindo as bocas de lobo e quando cai aquela chuvarada... Adivinha? Enchente na certa e transtornos para muitas famílias que perdem seus bens.  Mas, já parou pra pensar que o responsável por isso não são só os governantes? Mas, você também? Afinal, achar que um simples papel de bala na rua ou que jogar lixo no córrego não...
Leia mais

Violência: Por que ainda tão recorrentes?

As últimas semanas foram  difíceis de serem entendidas. O que se ouviu nos noticiários foram violência e violência, uma atrás da outra. Em uma semana pelo menos ocorrências abalaram  o mundo inteiro. Primeiro, o massacre que aconteceu numa escola em Suzano, na Grande São Paulo. Depois um homem invadiu uma Mesquita na Nova Zelândia e abriu fogo matando 50 pessoas. Nessa semana um terrorista matou três pessoas durante um ataque a um bonde na Holanda.  Com tantos acontecimentos levantou-se uma questão. O que leva um ser humano a matar o outro? É difícil entender a mente de um ser humano, às vezes patologias, doenças, drogas ou  algum mandante. O que mais surpreendeu foi que após tanto se ouvir sobre esses casos, outra preocupação para os pais, voltou a circular na rede. É sobre o vídeo viral, em que  boneca medonha e cuja figura é considerada perturbadora e de codinome “Momo”, incentiva crianças e adolescentes a cometerem suicídio e até assassinatos.  Além dessa boneca, outras questões ganharam discussão nos últimos dias, como bullying, intolerância religiosa,...
Leia mais

O ano começa a partir de hoje

Agora sim, o ano começou de verdade. Isso mesmo! Engana-se quem acha que o ano começa no dia primeiro de janeiro.  Pois é, pelo menos aqui para nós, tudo começa a funcionar a partir do carnaval. Por exemplo, esse ano começou em março porque a folia terminou ontem. Mas, pegar no tranco mesmo só na semana que vem. O Brasil possui uma media de 11 a 15 feriados por ano, mas, países como Bangladesh, Paquistão, Nepal e muitos outros superam essa marca podendo chegar a 30 feriados.  Voltando ao assunto, no nosso caso a maquina publica só funciona mesmo após o carnaval,    Tudo começa a partir de hoje, inclusive a busca por um emprego. E você que trabalha de segunda a sexta-feira, e às vezes nos finais de semana não ganha nem um terço do que os nossos políticos ganham para trabalhar alguns dias.  Você volta a trabalhar na quarta-feira de cinzas, mas, eles só na próxima semana. Aqui como de praxe qualquer feriado, já tem uma emenda. É...
Leia mais
http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e