Mulheres Empreendedoras

Quando sua mente está sã, seu corpo agradece

Paz, calma, fé e alegria. Pensamentos positivos são essenciais para a nossa qualidade de vida e bem-estar, tanto físico quanto mental. Os bons sentimentos ajudam no intenso trabalho dos nossos principais órgãos, gerando mais força, ânimo e energia para o dia a dia. Veja a relação do otimismo com a saúde do organismo. Pensamento positivo faz bem ao coração. Você já parou para pensar que os nossos sentimentos diários estão diretamente ligados à saúde? Comprovadamente, o estado emocional pode influenciar e afetar a nossa alimentação, a disposição e o bom funcionamento do corpo. Ou seja: somos reflexos daquilo que sentimos e, por isso, no otimismo vive a causa natural das mais diversas curas! Não é só a nossa saúde mental que sofre quando o estado emocional está abalado. Essas consequências se estendem ao nosso bem-estar físico, podendo afetar áreas específicas do corpo. Uma situação estressante ou um momento de felicidade podem dizer muito sobre o que passa internamente no seu organismo....
Leia mais

Grupo versus Equipe

Infelizmente, muitas organizações contam com pessoas que trabalham em grupo, onde cada um, ou mesmo cada área, se preocupa apenas com seus próprios interesses e objetivos, ninguém sabe direito o que o outro pensa porque as pessoas não se comunicam, falam de forma política, sem dizer o que realmente pensam. Num grupo, é cada um no seu “quadrado”, cada um por si, comprometendo assim, o resultado de todos. No grupo, o líder está distante das pessoas porque, em geral, julga estar acima delas. Já o trabalho em equipe começa com objetivos comuns e metas coletivas que sejam conhecidos por todos, onde cada pessoa compreende o que os outros estão fazendo e tem consciência de sua importância para a conquista dos resultados. Numa equipe existe transparência, respeito e colaboração. Nela também existem conflitos, que são resolvidos por meio de diálogos construtivos, com a troca constante de feedbacks, que são dados de maneira transparente, construtiva e respeitosa, onde líderes e liderados dão e recebem...
Leia mais

Ficar em casa ou não?

O Brasil está em uma encruzilhada retórica: de um lado, os governos estaduais, hospitais, centros de pesquisa, universidades públicas, órgãos de imprensa, etc. são unânimes em seguir e recomendar as medidas tomadas em outros países da Europa e da Ásia e implementar uma política severa de distanciamento social para desacelerar a disseminação da Covid-19 em território nacional. Na extremidade oposta se defende o chamado isolamento vertical, ou seja: que apenas quem pertence aos grupos de risco como idosos ou pessoas com doenças crônicas fiquem em casa.  É evidente que a paralisação do comércio e da indústria desacelera a atividade econômica do País e pode abrir espaço para uma grave recessão. Mas a estabilidade do Brasil deve ser alcançada às custas do bem estar ou, em alguns casos, da vida dos brasileiros? E mais: será que manter as empresas nacionais funcionando é suficiente para sustentar nossos indicadores ou baque que a pandemia vai gerar na economia mundial...
Leia mais

Como enfrentar a crise do coronavírus?

Para ajudar os pequenos negócios a superarem esse momento, observe este conjunto de soluções voltadas a atender a cada um dos segmentos mais atingidos. De acordo com assessores financeiros, a crise pode ser uma oportunidade para o empreendedor criar soluções inovadoras, que contribuam com o desenvolvimento e a profissionalização do negócio. No passado, as grandes empresas engoliam as pequenas. Hoje, nós vemos que são as empresas mais ágeis que superam as mais lentas. E, nesse sentido, o pequeno negócio tem mais agilidade e pode se adequar mais rapidamente e dar respostas mais rápidas, no contexto de crise. Segundo os especialistas em economia, a crise é causada fundamentalmente por um problema de caixa. Na medida em que a população se vê forçada a circular menos e evita sair de casa, o consumo de produtos e serviços tende a ter uma queda significativa. Se o problema é de caixa, a gente precisa buscar o equilíbrio. Isso passa por tentar reforçar as receitas, por um lado, e reduzir os custos de outro. Enfrentando a crise Confira...
Leia mais

Acredite em você

Você sente que, às vezes, é duro demais consigo mesmo? Está sempre se criticando, ou depreciando suas atitudes e conquistas para os outros? Cuidado. Apesar de a autocrítica ser importante, ela pode estar disfarçando algo que não é nada legal: a baixa autoestima. “A autoestima está relacionada à percepção que a pessoa tem de si mesma e envolve o amor próprio, a autoaceitação  e a autoimagem. Ela começa a ser construída na infância e tem a ver com a forma que alguém recebeu e assimilou os olhares direcionados a ela, o que ouviu a seu respeito, a atenção (ou não) que recebeu ou se foi rejeitada”, tudo isso influencia em como construiremos nossa autoestima na fase adulta. Não adianta. Tudo o que acontece quando somos crianças afeta profundamente o que seremos mais tarde, bem como a forma como nos relacionamos e amamos o outro. Por isso, ao longo da vida, algumas situações podem rebaixar a nossa autoestima. Seja...
Leia mais

Como pode uma mulher alcançar seu completo potencial

Ao examinar a sociedade corrigida na qual queremos viver, devemos dar muita atenção à unidade familiar. A família será um microcosmos do mundo em que vivemos. Claramente, o progresso certo irá criar boas relações familiares e as boas relações com a próxima geração. Na sociedade do novo mundo, estamos destinados a construir a economia e o mercado de trabalho em sincronia com a manutenção de nossas famílias, o lar e a educação dos filhos. Não há dúvida de que as mulheres desempenham um papel fundamental na promoção do desenvolvimento pessoal de cada membro da família, e do desenvolvimento da sociedade. As mulheres são uma força a ser reconhecida. Elas constituem mais que 50% da população do mundo, e o poder e as habilidades das mulheres são inquestionáveis. As mulheres podem administrar bem a casa, a família, as relações com o marido, as relações entre as crianças, e os seus próprios relacionamentos com cada um dos filhos. A mulher é mãe,...
Leia mais

Você é mulher macho?

Jeito um pouco feio de falar sobre o comportamento de algumas mulheres, certo? Sim, eu sei, mas a expressão ilustra bem o que quero dizer. Na verdade, não são poucas as mulheres que, nas últimas décadas, vem insistindo em modelar os homens. O problema é que, na mesma medida em que mais mulheres se comportam como se fossem homens, mais homens se perdem e não sabem exatamente como agir. Alguns terminam polarizando e se comportando energicamente como mulheres. Outros, sem saber o que fazer diante de uma mulher, torna-se verdadeiros ogros inconscientes. A verdade é que a revolução feminina foi maravilhosa e fundamental. Libertou a gente de uma série de limitações absurdas, injustas e completamente desnecessárias. Deu-nos oportunidade de viver de forma mais igualitária enquanto humanas. Ou seja, a "luta" não era para definir quem é melhor (homens ou mulheres), mas para descobrir o quanto podemos nos complementar e potencializar o mundo. Porém, é fato: nos perdemos no meio do caminho....
Leia mais

Já passei dos 50, não quero mais sonhar!

Muitas mulheres e homens, quando passam de uma certa idade, não querem mais sonhar, não querem mais planejar seus objetivos e desistem de fazer certas coisas, como estudar e se atualizar diante de tudo na vida. Elas entregam para o destino o fator de ainda não terem conquistado o tão almejado desejo, e desistem de ir à luta por conta da idade. Isso está errado. No final desta última semana estava em um evento trabalhando, e conversando com uma amiga (c) e ela disse estar muito triste por ver o quanto lutou, trabalhou e nada chegou de fato em sua vida, principalmente bens materiais. E complementou dizendo que está com 53 anos e não tem mais esperança de conquistar nada, e que vai deixar a vida “rolar”. Se mostrou muito amargurada, angustiada e fria. E como ela, existem muitas outras pessoas no mesmo embalo com o mesmo pensamento. Mas, entenda isso: Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE),...
Leia mais

Organização otimiza tempo

Você acaba de acordar e já pensou: “Quantas coisas para fazer, e já vi que o dia não vai dar para nada.” E na parte da tarde você grita: “Meu dia já está na metade e estou sentindo que o tempo não está rendendo. ” E quando o dia findou, você fez um balanço e deixou muita coisa sem fazer por falta de tempo e está angustiada Esse é o conflito diário de todas as mulheres. E como todas nós temos a tal da jornada dupla (e às vezes até tripla), equilibrando casa, família e trabalho, muitas tarefas e responsabilidades acabam sobre os nossos ombros. Por conta disso, a maneira como a gente organiza a rotina diária pode ser a diferença entre ter mais ou menos tempo para fazer o que precisa ser feito. Vou logo confessando que, nesse ponto, eu nem sempre fui uma pessoa organizada. Não dizem que a gente aprende no amor ou na dor? Pois é: eu aprendi na dor… Na verdade, eu era...
Leia mais

A força e a sensibilidade da mulher

Era uma tarde de verão parecida com tantas outras. O ar puro e o balanço das árvores, que nos fazia companhia assim que deixamos a cidade grande, inspirava liberdade. O tempo começava a ficar estranho ou “bonito para chover”, mas era tão longe… “Não precisávamos nos preocupar!”, pensava eu com uma pontinha de desconfiança, lá no fundo da alma feminina, que oscila entre razão e sensibilidade. Superar os riscos e vencer os desafios De vez em quando, eu olhava orgulhosa para meu esposo, que, de mãos fixas no volante, parecia desbravar cada quilômetro da estrada com uma conquista. Entre palavras e risos, seguimos nós dois e uma amiga em comum. Até que, de repente, a chuva, que parecia longe, alcançou-nos como uma tempestade daquelas que só vemos nos filmes. O nosso estado de ânimo também mudou de repente. Agora, estávamos preocupados com o que poderia acontecer a qualquer momento, já que a forte chuva, misturada com vento e granizo, impedia-nos...
Leia mais
http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e