Mensagem da Semana

A melhor das invenções

Uma das “invenções” mais sensacionais, a que mais tem sentido é o abraço.No abraço não tem jeito de um só aproveitar. Nem que for uma “beradinha” o outro participa. Na saudade da distância, é o abraço dado que alivia.Quando alguém está com raiva e recebe um abraço, tende a ficar sem graça de continuar com raiva...Quando alguém está se sentido feliz e alegre, tem vontade de abraçar alguém e quem recebe o abraço pega um pouco dessa felicidade e alegria.Se alguém está doente e fica dentro de um abraço, ele começa a melhorar, pelo menos naquele momento.Tem tanta coisa e contribuição do abraço que ficaria o ano todo falando sobre ele. Mas é o seguinte: o abraço é bom principalmente por causa do coração...Quando você abraça alguém, faz massagem no seu coração!...O coração do outro é massagiado também! Mas não é só isso, não...Aqui tá a chave do maior segredo de tudo: quando abraçamos alguém, nós ficamos com dois corações...
Leia mais

A Equipe

Muitas organizações contam com pessoas que trabalham em grupo, onde cada um, ou mesmo cada área, se preocupa apenas com seus próprios interesses e objetivos, ninguém sabe direito o que o outro pensa porque as pessoas não se comunicam, falam de forma política, sem dizer o que realmente pensam. Num grupo, é cada um no seu "quadrado", cada um por si, comprometendo assim, o resultado de todos. No grupo, o líder está distante das pessoas porque, em geral, julga estar acima delas. Já o trabalho em equipe começa com objetivos comuns e metas coletivas que sejam conhecidos por todos, onde cada pessoa compreende o que os outros estão fazendo e tem consciência de sua importância para a conquista dos resultados. Numa equipe existe transparência, respeito e colaboração. Nela também existem conflitos, que são resolvidos por meio de diálogos construtivos, com a troca constante de feedbacks, que são dados de maneira transparente, construtiva e respeitosa, onde líderes e liderados dão e recebem feedback,...
Leia mais

A dinâmica da confiança

Quando nossas comunicações resultam em término de nossos inter-relacionamentos, na maioria das vezes é pela falta de capacidade de falarmos total e francamente. Isso significa na prática termos a capacidade de autorevelar uma personalidade sadia, que é estar livre para ser capaz de dizer julgamentos e valores; expor temores e frustrações e admitir erros e vergonhas.  O maior obstáculo à autorevelação é o medo de não sermos totalmente aceitos pelo outro, de não termos valor. Resultado: comunicação cautelosa, ritualizada. Numa situação ameaçadora  a tendência é ninguém se abrir. Ao invés disso, devemos substituir a dinâmica do medo pela dinâmica da confiança. Autoabertura só tem lugar numa atmosfera de boa vontade.  É necessário assumir o risco de autorevelar-se para estimular a boa vontade. Confiança gera confiança; autoabertura gera autoabertura. O comunicador eficaz é aquele que consegue criar um clima de confiança em que a abertura recíproca pode florescer. Quanto mais eu sei a seu respeito e quanto mais você sabe a meu respeito mais...
Leia mais

Patrões & Empregados S/A

Foi construída e consolidada durante décadas uma cultura trabalhista pela CLT, de que o patrão (dono do negócio) e seus gestores(os chefes) vivem num universo do mundo do trabalho e os subordinados (empregados), frequentam esse universo apenas para garantirem suas sobrevivências. Nesse novo contexto da CLT, o mundo do trabalho se reorienta na sua forma de atuar e todos: donos, gestores e colaboradores, necessitam se reorientarem comportamentalmente também, para garantirem eficiência e eficácia ao alcance de resultados. Uma nova cultura individual necessita ser forjada para potencializar a capacidade de percepção e gestão dos seus limites e potencialidades emocionais, que dirigem as ações e reações às pessoas, aos fatos e circunstâncias em que está inserido; instrumentalizar para produzir mudanças comportamentais e atitudinais, necessárias a potencialização das funções de liderança de si e do outro; potencializar o poder de perceber as limitações das pessoas, que estão sob sua liderança, para ampliar as formas eficientes, eficazes e efetivas de condução de processos...
Leia mais

Alegria, uma alavanca?

Os sentimentos são inerentes a você. Fazem parte de sua natureza, do seu Ser e são inseparáveis de sua existência. Podemos considerar que são cinco os sentimentos básicos: o amor, a alegria, a tristeza, o medo e a raiva.    Einstein em sua descoberta e elaboração da fórmula clássica que enunciou que energia é igual a massa, vezes a velocidade da luz elevada ao quadrado - E = m.c². O sentimento da alegria sendo vivido e manifestado pela sua mente, dispara no seu corpo(massa), sinapses neurais, que consequentemente interferem nos fótons, que é a luz que fica no centro de cada célula do seu corpo. Isso significa que a alegria é uma alavanca que ativa e potencializa a velocidade da luz de suas células, aumentando o poder de sua energia para atrair e concretizar coisas que deseja. Acredite! Estar alegre te torna mais próspero. ...
Leia mais

A Travessia

Conta-se que uma família para fugir dos horrores da guerra, percebeu que sua única chance seria atravessar as montanhas que circundavam a cidade. A família compunha-se de dez pessoas com diversas idades. Reuniram-se e planejaram os detalhes: a saída de casa, por onde tentariam a difícil travessia. O problema era o avô.  Com muitos anos nos ombros, ele não estava muito bem. A viagem seria dura. – Deixem-me, pois serei um empecilho para o êxito de vocês. Somente atrapalharei.   Entretanto, os filhos insistiram para que ele fosse. Chegaram a afirmar que se ele não fosse, eles também ali permaneceriam. Vencido pelas argumentações, o idoso cedeu.   Entre eles havia uma menina de apenas um ano. Combinaram que, a fim de que ninguém ficasse exausto, ela seria carregada por todos os componentes da família, em sistema de revezamento. Depois de várias horas de subida difícil, o avô se sentou em uma rocha. Deixou pender a cabeça e quase em desespero, suplicou:  – Deixem-me para trás. Não vou conseguir....
Leia mais

A nossa busca

O monge entrou no vilarejo montado num boi. Os habitantes da vila, que nunca o haviam visto por ali, lhe perguntaram:  – O que faz por aqui? – Estou em busca de um boi. As pessoas se entreolharam intrigadas e riram da situação, enquanto o monge se foi.  No dia seguinte, de novo montado no boi, o monge voltou ao vilarejo. E de novo as pessoas lhe perguntaram o que estava fazendo por ali. – Eu já lhes disse: procuro um boi – respondeu o monge. E outra vez o monge se foi, em meio ao riso de todos. No terceiro dia o fato se repetiu, e novamente lhe perguntaram sobre o real motivo de sua passagem pelo vilarejo, e montado no boi, o monge respondeu: – Eu busco um boi. Como a piada já estava perdendo a graça, um dos moradores resolveu protestar:  – Olhe aqui, você é um monge, uma pessoa sábia, mas esta já é a terceira vez que vem ao nosso vilarejo à procura...
Leia mais

Autocontrole

Controlar as situações difíceis e ter capacidade para suportar com naturalidade as situações de máximo estresse é um desafio a ser encarado de frente. Para desenvolver a habilidade de autocontrole e otimizar o controle das suas emoções,  utilize de alguma estratégia comportamental como por exemplo: tome as decisões importantes em momentos de lucidez e não quando você estiver de mal-humor; aprenda a frear as reações negativas, contar até 10 já começa a resolver, ou peça para que alguém te ajude a se controlar; no momento em que for dizer algo repentinamente, coloque um gole de água ou outro líquido qualquer em sua boca e não engula; aspire o ar com profundidade e prenda em seu peito e então solte-o devagar, repetindo esse procedimento várias vezes, mas faça isso de forma discreta quando estiver na presença de pessoas. Potencialize sua habilidade interpessoal com os demais, assim você entenderá os pontos-de-vista dos outros, o que lhe ajudará a compreender melhor suas reações...
Leia mais

Sucesso nos negócios

O comprometimento é algo que todos querem que as pessoas tenham quando são contratadas e/ou convidados a realizarem qualquer atividade, seja profissional ou social.  Para termos uma chance de alcançarmos sucesso em nossos negócios, o  comprometimento é um ponto fundamental. O comprometimento inicia-se conosco mesmo. Inicia-se na capacidade que temos de relacionar com integridade e coerência. Isso faz com que as pessoas se comprometam e cooperem conosco. Para isso é preciso estabelecer constantemente o espírito da confiança. Devemos buscar sempre potencializar alguns pontos: analisar as situações em que houve um descomprometimento com alguma tarefa, para localizar as causas e eliminá-las no futuro; informar aos outros quando não poderemos cumprir com uma tarefa, para não perder nossa credibilidade; reconhecer nossos erros perante os demais; habituarmos a fazer planejamento para diminuir retrabalhos. Devemos agir de acordo com o que pensamos e falamos. Essas atitudes nos conduzem ao sucesso de nossos negócios.   ...
Leia mais

Atenção

Um coelho muito incomodado ao ver uma águia com ar tranquilo, sentada no topo de uma árvore sem nada fazer, resolve perguntar a ela: “posso ficar sentado como você ou é exclusividade sua”? A águia responde: “fique tranquilo... desfrute como quiser...” O coelho então sentou-se embaixo da mesma árvore e ficou tranquilo como a águia e pensava: “que vidão, eu também mereço ficar sem nada fazer e tranquilão...” De repente, sem notar o que acontecia, dá um grito e percebe que já estava sendo devorado por uma raposa. Para ficarmos sentados sem nada fazer e tranquilos, devemos estar primeiramente no topo!   ...
Leia mais