Boxe Feminino: brasileira estreia com vitória no Mundial de na Rússia

No primeiro dia de competições no Mundial de Boxe, na cidade de Ulan-Ude, na Rússia, a brasileira Grazieli de Jesus estreou com vitória incontestável diante da suíça Eliana Pileffi.  A pugilista (categoria 51Kg) superou com facilidade a adversária por decisão unânime dos juízes: 5 x 0. Já a boxeadora Jucielen Cerqueira, medalha de prata no Pan de Lima deste ano, perdeu na estreia para a filipina Nesthy Petecio, com placar apertado de 3 x 2, e está fora do mundial.

A menos de um ano para o início dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, no Japão, o Mundial da Rússia é uma das principais competições preparatórias antes do evento, pois reúne as melhores boxeadores do planeta. Também serve de termômetro para a disputa das vagas olímpicas – oito para homens e cinco para mulheres – que acontecerá nos torneios Pré-Olimpicos continentais (entre janeiro e abril de 2020) e no Pré-Olímpico Mundial (maio de 2020).

Lutas  

Este é quinto Mundial na trajetória de Grazieli de Jesus, de 28 anos, atleta de Mogi das Cruzes, região metropolitana de São Paulo. A brasileira volta ao ringue na próxima terça-feira (8), contra a anfitriã russa Liliya Aetbaeva, para brigar por uma vaga nas quartas de  final.

A atual vice-campeã do Pan de Lima na categoria peso galo (54 a 57Kg), a brasileira Jucielen Romeu, de 23 anos, fez uma luta parelha contra Nesthy Petecio, das Filipinas, mas foi superada pela adversária por 3 x 2, por decisão dos juízes.

No próximo domingo (6) será a estreia da principal promessa brasileira no Mundial de Boxe Feminino, na Rússia: a baiana Bia Ferreira, atual campeã do Pan de Lima, na categoria (60Kg).

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e