Biden assina lei que eleva teto da dívida dos EUA e evita calote

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, assinou nessa quinta-feira a lei que eleva o teto da dívida pública e evita que o país incorra em um calote pela primeira vez na história.

A Casa Branca anunciou em comunicado que Biden assinou a legislação, que já começa a valer. A lei eleva em US$ 2,5 trilhões os recursos para lidar com as dívidas já contraídas, o que permitirá que os EUA mantenham a capacidade de endividamento até 2023. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e