Sobre: Plinio da Franca

* Cientista Social, Pesquisador e Consultor de Desenvolvimento Humano e Empresarial. Especilizações em Psicologia Social, Análise Transacional, Administração Mercadológica, Psicodrama e Dinâmica de Grupo. Autor de livro e de programas de treinamento comportamental, com reconhecimento científico a nível nacional.

Postagens recentes por Plinio da Franca

A Arte do Encontro

Entre os seres humanos existe um abismo responsável pela arte do desencontro. São as diferenças dos sentimentos, das percepções de si e do mundo, das emoções, dentre outras variáveis, relacionadas às expectativas das realizações de seus desejos. É preciso construir uma ponte que chamode confiança, para que arte do encontro entre os seres humanos se efetive.

Construir a ponte e, os passos para a sua travessia, são a cordialidade, a atenção total ao outro, a verdade como valor no diálogo, a clareza de expressão, o saber lidar com os sentimentos de contrariedade, a auto-abertura e o saber ouvir como princípios fundamentais nas inter-relações.  

...
Leia mais

As suas partes e as deles

A Face tem: a parte direita e a parte esquerda, que juntas formam também a chamada cara. Cara de pau, cara dura, cara legal, cara boa, cara ruim...

O Cérebro tem: parte do hemisfério esquerdo e parte do hemisfério direito, com cinco partes chamadas de lobos: frontal, temporal, parietal, occipital e da ínsula. Tem as partes dos sulcos lateral e central com as cinco partes dos chamados giros e muitas outras partes, que não realçaremos. Tudo muito bem dividido em partes para formar um todo e reger nosso corpo e vida, que pode se chamar de cabeça. Cabeça boa, cabeça arejada, cabeça evoluída, cabeça dura, cabeça ruim, cabeça...

Por falar em partes, que são a razão de ser de um todo, a organização dos políticos, com suas partes filosóficas, idealistas... são reunidas nos chamados partidos políticos. Epa! Aqui não forma um todo? Continua partido!

Uma definição...

Leia mais

Dicas para prosperidade

Conscientizarmos que não vivemos por nós mas, pela força da Vida, significa compreender que o Universo não pará. Está sempre em movimento. Se paramos nada irá acontecer. Temos que buscar e não ficar esperando as coisas melhorarem.

Avançar...avançar...vitalidade..buscar...buscar...

Para vivermos uma vida mais radiante, devemos adotar os princípios de servir, agradecer, positivar, amar, trabalhar e orar e banir o de brigar, reclamar, invejar, negativar, criticar e odiar.  

Elementos principais para a prosperidade: união, iniciando em casa; retribuir somente coisas boas e positivas em qualquer circunstância; viver o sentimento de gratidão (agradecer a todas as coisas); plantar a semente do amor (colhemos o que plantamos); ficar alegre (até o cachorro ri, banando o rabo); orar (mentalizar, falar com a alma) continuamente.

Quando paramos de orar, damos chance à mente consciente de entrar em dúvida: “será que vai dar certo”? Esta ida...

Leia mais

Eficácia na Gestão

A eficácia na gerência prevê a capacidade do dirigente em conceber futuros alternativos, estabelecendo transações ambientais. É o pensar estratégico, a utilização de análises racionais e métodos intuitivos; é lidar com o incerto e o imprevisto.

A liderança pode ser vista como uma função gerencial e primordial, pois ela é uma interação pessoal – um indivíduo influencia outros a se comprometerem com a busca de objetivos comuns. Logo, está ligada também com a eficácia.

O gestor deverá adquirir a capacidade de tratar o comportamento administrativo não só nos aspectos formais ou do ponto de vista social e político, mas também nos aspectos de motivação individual e das condições de trabalho. Deve aprender a comprometer indivíduos com a ação cooperativa e com a inovação lidando diariamente com conflitos, acomodação, pessimismo, frustrações, dentre outros fatores intrínsecos na vida de grupos.

...
Leia mais

O novo em você

Você tem o hábito de juntar objetos inúteis, acreditando que um dia (nem sabe quando) poderá precisar deles?

Você tem o hábito de guardar roupas, sapatos,...

Leia mais

Comentários recentes por Plinio da Franca

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e