Sobre: Alexandre Mauro

Jornalista e comentarista esportivo. Moro em Niterói há 22 anos. Fã de cultura e esportes. Ex-editor em jornais na cidade do Rio de Janeiro. Atualmente me dedico à interatividade cultural. Acredito na importância da divulgação por todos os meios da cultura nesse país.

Postagens recentes por Alexandre Mauro

Nessas horas o melhor é curtir sua música preferida

 Me arrumo e desço para pegar um sol e só rostos escondidos temendo o pior. Como diz um amigo, "que fase". Abril chegou e a vontade de que as coisas mudem é muito intensa. Mas o que fazer? São tantas as possibilidades, mas que acabam bloqueadas por medidas nem sempre inteligentes ou mesmo que façam sentido. Ainda aguardo pela vacina que espero que encontre meu braço e não qualquer outro lugar. Enquanto a hora não chega que tal a distração? Ou mesmo o entretenimento? Eis que a dúvida paira no ar.

Bem, agora eu fiquei confuso. Quero uma distração ou entretenimento. As palavras aparecem como sinônimas em muitas coisas, mas será que distrair com o intuito de desviar a atenção é a mesma coisa que entreter se divertindo com algo? Está aí uma boa oportunidade para conversarmos sobre o tema. A verdade é que distração é sinônimo de entretenimento, mas o mesmo não...

Leia mais

A cíclica da Semana Santa

Estamos entrando na nossa segunda Semana Santa de quarentena. E o que falar disso? Quando pensávamos que seria apenas um período que ficaríamos presos, isolados e mal pagos, eis que como diria um certo ex-presidente da República, que "forças ocultas" fariam com que esse mal se alastrasse por mais um ano. falo aqui como cidadão que paga seus impostos e age dentro da lei e civilidade. Mas o que faremos? O que nos espera lá na frente? Como sairemos desse problema de saúde?

Já me fiz diversas vezes essas perguntas e até hoje não encontrei uma resposta capaz de acalmar os ânimos e crer no amanhã. Parece nome de programa religioso, mas é a única tábua de apoio que encontrei para lidar com o assunto. Morte, palavra que todas as famílias ou quase todas do Brasil já ouviu nesses quase 13 meses de Covid-19 em nosso meio.

[caption id="attachment_127113" align="alignright" width="295"] Leia mais

Assim falou Zaratustra…

Se é verdade essa teoria, imagino que somos seres pouco evoluídos, pois até hoje não conseguimos aprender muita coisa. Como havia falado semana passada sobre a coluna que trazia inúmeras possibilidades de debates de ideias e opiniões sobre temas nem sempre levados à sério por nós.

Resolvi falar um pouco mais sobre cada um nas próximas colunas. E hoje vou começar com um tema bastante interessante e que a cada dia carrega novos adeptos e pessoas que começam a estudar tais possibilidades.

[caption id="attachment_126906" align="alignright" width="209"] De onde viemos, para onde vamos?[/caption]

Como diriam os teóricos dos "Antigos Astronautas", nós viemos para cá trazidos por alienígenas inteligentes e nos deram suporte e condições de propagar a raça humana na Terra. Teoria que ganha corpo a cada questionamento para se entender de onde viemos e para onde vamos. Assunto para mais de um cafezinho naquele fim de tarde...

Leia mais

O início do fim? Ou clareza dos fatos?

O mundo anda tão complicado por aqui que não me surpreendo em nada com novas informações que nos tem chegado através de documentos (verdadeiros ou fake) que a internet solta a cada semana sobre vários assuntos. Não estou falando sobre política ou coisa parecida. O negócio vai muito além de nossa imaginação. Ets, Ovnis, aparições sem explicações, espíritos vistos por algumas pessoas, enfim, o que não falta é novidade.

O assunto é muito interessante e desde os primórdios da humanidade existe interesse. Pessoas acreditam em muitas coisas e por isso são taxadas como “loucas” ou simplesmente desacreditadas. Eu acredito em coisas que não podemos explicar. Acredito em teses e teorias, mas e você? Entre o céu e a terra existem coisas que nossa imaginação duvida. Não falo isso para impressionar, não, falo por acreditar que nossa mente não trabalha apenas 10% de sua capacidade. Imagina o que poderíamos com 20%?

Frequentemente vemos na internet vários vídeos...

Leia mais

Setenta e quatro anos e ainda esperamos uma resposta

O ano era 1947, Roswell, Novo Mexico, EUA. Destroços de uma espaçonave caem e as autoridades americanas tratam de abafar o evento. Um fato verdadeiro, pois aconteceu. Os EUA dizem que foi uma sonda. 

Não é de hoje que as teorias sobre extraterrestres e viagens até a Terra são contadas por pessoas comuns. Eu já tive a oportunidade de entrevistar um homem que foi abduzido por alienígenas aqui no Brasil. A história não diverge das tantas que estamos acostumados a ouvir. A diferença é que a idoneidade dele nos deixa intrigado com a possibilidade de ser real a sua história.

Mas voltando ao ano de 1947, quando a suposta aeronave alienígena caiu sobre Roswell, a população estava certa que se tratava de extraterrestres que por algum motivo acabaram sofrendo um acidente e caíram na terra. As autoridades negaram antes e negam até hoje. Talvez para não alarmar a população terrestre ou mesmo para não...

Leia mais

Comentários recentes por Alexandre Mauro

    Sem comentários por Alexandre Mauro yet.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e