Argentina sai do Grupo de Lima e pede diálogo na Venezuela

O governo da Argentina anunciou nesta quarta-feira a saída do Grupo de Lima, criado em agosto de 2017 para abordar a situação da Venezuela, por considerar que suas ações “não levaram a nada”.

“A República Argentina formalizou a sua retirada do chamado Grupo de Lima, considerando que as ações que o Grupo tem promovido em nível internacional, procurando isolar o governo da Venezuela e os seus representantes, não levaram a nada”, diz um texto do Ministério das Relações Exteriores. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e