Após imunização, Putin afirma ter anticorpos e estimula russos a se vacinarem

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse nesta segunda-feira que os médicos detectaram anticorpos em seu organismo após ter sido imunizado com duas doses de uma vacina russa não especificada, razão pela qual estimulou seus compatriotas a se vacinar em massa contra o coronavírus.

“No que se refere ao seu humilde servo, de fato, ainda ontem fui testado e o resultado foi positivo (…) Os especialistas dizem que o meu índice positivo é 15. Segundo os médicos, é um bom resultado”, detalhou Putin, de 68 anos, à emissora de televisão estatal russa. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e