Apesar de acordo con EAU, Netanyahu vê anexação da Cisjordânia como opção

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, afirmou nesta quinta-feira que a anexação de parte da Cisjordânia ocupada ainda não está descartada, embora o acordo para a normalização das relações diplomáticas do país com os Emirados Árabes Unidos inclua a suspensão desse plano.

“A aplicação da soberania sobre Judeia e Samaria (nome bíblico da Cisjordânia) está sobre a mesa”, disse Netanyahu em pronunciamento transmitido ao vivo.

EFE

Por

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e