Ao lado de Putin, Lukashenko acusa Ocidente de tentar desestabilizar Belarus

O presidente de Belarus, Aleksandr Lukashenko, acusou nesta sexta-feira o Ocidente de tentar desestabilizar a antiga república soviética durante uma reunião com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, referindo-se à dura resposta da Europa ao desvio de um avião comercial da Ryanair para Minsk.

“Há uma tentativa de desestabilizar a situação até os níveis de agosto do ano passado”, disse Lukashenko no início da sua reunião com Putin no balneário de Sochi, no Mar Negro, em alusão aos protestos anti-governamentais na sequência das eleições presidenciais tachadas como fraudulentas pelo Ocidente. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e