Advogado de suposto testa de ferro de Maduro é preso em Cabo Verde

Um dos advogados do empresário colombiano Álex Saab, acusado de ser testa de ferro do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, foi detido, e logo em seguida libertado, em Cabo Verde, quando ia visitar o cliente, que está preso no país africano devido mandado expedido pelos Estados Unidos.

José Manuel Pinto Monteiro, de acordo com comunicado emitido nesta quinta-feira pela defesa do próprio advogado, foi levado por policiais quando se dirigia para a casa em que Saab cumpre regime de prisão domiciliar e em que iria “manter reunião diária” com o colombiano. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e