A primavera chegou. O amor está no ar

Nada como a estação das flores para quebrar o gelo

Ah, a primavera… tempo de renovação, de flores e de criação de outros lares e famílias. Tempo também de muitas disputas por novos parceiros e parceiras. Não, não digo isso para nós, seres humanos, que temos educação, dignidade e respeito, coisa que os animais irracionais não têm; nós temos a sorte de nos conectar o tempo todo, quando quisermos e o parceiro permitir. E os signos combinarem!

O instinto deles é unicamente a preservação de sua espécie, não interessa se a cachorra é uma cadela, se a ruminante é uma vaca, se a peixinha é uma piranha ou se a gatinha da rua de cima é mais linda que a sua. Todos só buscam o sexo sem nenhuma outra intenção, a não ser a de preservar a sua espécie. Julguem depois.

26 Beautiful Photos Of Animals That Are Truly, Madly, Deeply In Love
“Você enfeitiçou minha mente,
meu corpo e alma. E eu te amo.”

Nessa época, tudo seria tecnicamente perfeito, se não tivesse esse calor infernal, essas queimadas e secas intermináveis, tirando dos bichos o foco: o sexo, na mais pura intenção. Nada além. Os zoológicos do mundo, os maiores, incluindo alguns aqui no Brasil, já sabem que agora é que vai começar a estação mais desesperadora, já que os animais vêm de uma hibernação, do frio, e nada mais acalentador que um solzinho de manhã, um cafezinho com os amigos à tarde e uma fêmea disponível no cio à noitinha. Antes que o sol venha a toda no verão que promete ser um dos piores. Sem distanciamento social, por favor.

Escuto gatos na rua, brigando, berrando e sei que alguém não fez a lição de casa e deixou o gato com seus aparatos de garanhão ativados, fazendo com que uma gatinha, também com seu aparelho torturador de machos ligado e fazendo de tudo para que ninguém durma. Não é justo, ninguém tem a obrigação de castrar, mas todos têm o dever se brecar essas procriações sem nenhum controle, porque, depois que nascem, quem cuida? Dá trabalho criá-los, né, faz sujeira, é um gasto a mais.

Aí vem o grupo dos defensores da opção animal com um: “Mas, coitadinhos, por que castrar, não é certo, deixa os bichos em paz, eles têm o direito de se reproduzirem”, pensam alguns. Ok, que cuida depois, cabe tanto animal dentro de casa? Vai deixá-los nas ruas? Abandonar animais é crime, assim como maltratá-los.

Temos a vantagem de termos um cérebro ativo, pensante e devemos ser responsáveis com quem cuidamos. Deixe a reprodução para quem está na natureza, lindo leve e solto. E longe dessa parafernália em que vivemos.

Por

Jornalista, revisora e redatora. Tem 3 cachorros, 3 gatos fixos e mais um monte ao seu redor. Cuida para que eles não sejam abandonados pelas sarjetas. É editora-chefe das colunas que você lê aqui.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e