A difícil missão de pagar as contas

As contas estão subindo e os salários estão parados. Sim, isso mesmo. Enquanto as contas sobem mais que a inflação como luz, água, gás e outras, o dindin do brasileiro continua o mesmo. Sem aumento. E isso significa que cada vez menos sobra no final do mês e às vezes nem dá. No caso da luz, por exemplo, os contribuintes já foram avisados que neste mês haverá a bandeira tarifária,  ou seja, pagarão a mais por cada quilowatt “extra” consumido. A desculpa: não está chovendo e estão usando mais as usinas termoelétricas e por isso o aumento.

Mas, a pergunta que não quer calar. Todo ano é a mesma coisa. Já não era hora de resolver esse problema? Nossa conta de luz é muito cara e o consumidor já não sabe o que desligar. Mesmo ficando 15 dias fora de casa, a conta de luz ainda vem alta. Se para quem tem condições de pagar já está difícil, imagina para quem está sem emprego?

Está na hora do Brasil buscar alternativas para melhorar suas riquezas e  tirar essa imagem tão feia que temos lá fora. Um país que não tem terremoto, uma diversidade grande de bens à nossa disposição, mas que, infelizmente desperdiçamos, não pode continuar desse jeito. Vamos lá!

Por

Ex-repórter redatora (editoria geral) e editora chefe do webjornal O Estado RJ. Atualmente é colunista (Vamos Lá!)

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e